Sistema de pontos para obter visto de entrada no Reino Unido

Durante muitos anos o sistema imigração para o Reino Unido foi muito complexo pois chegaram a existir centenas de requisitos de imigração totalmente diferentes para 80 tipos diferentes de imigrantes. Ou seja, um dentista tem regras de imigração diferentes de um banqueiro, que por sua vez tem regras totalmente diferentes para um estudante de pós graduação, que por sua vez não se assemelha nem um pouco nas regras para estudantes de cursos de inglês de duas semanas!

Para simplificar o processo e a fiscalização de imigrantes, o governo britânico criou um sistema baseado em pontos para avaliar se um imigrante pode ter seu visto aprovado para estudar, trabalhar e residir no Reino Unido (incluindo Inglaterra , Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte).

O novo sistema de pontos do Reino Unido (estabelecido no início de 2009) é semelhante ao sistema de pontos australiano que é considerado um dos melhores, mais simples e mais eficientes do mundo.

Obs: Vale lembrar que o sistema de pontos não se aplica a quem tem nacionalidade de algum país que faz parte da União Européia.

O sistema de pontos para obtenção do visto britânico é dividido em 5 categorias (chamadas de Tiers em inglês). Ao solicitar o seu visto, você tem que escolher uma das  5 categorias e seguir os procedimentos necessários para ganhar a pontuação necessária e obter o visto!

1. Tier One: Trabalhadores altamente qualificados

Os profissionais mais qualificados em suas áreas automaticamente terão pontos suficientes para chegar ao Reino Unido sem uma oferta de emprego e procuram trabalho ou montar um negócio próprio. Essa categoria inclui empresários, cientistas e pessoas de negócios.

Trabalhadores desta categoria têm mais flexibilidade no Reino Unido e grandes oportunidades de se assentar porque o sistema considera-os como tendo o maior potencial para gerar riqueza, beneficiando assim a Grã-Bretanha.

2. Tier two: Trabalhadores com oferta de emprego

Esta categoria abrange as pessoas com boas qualificações ou experiência de trabalho relevantes. Para pessoas nesta categoria, serão dados pontos em de acordo com seus talentos e será permitida a entrada no Reino Unido se eles têm uma oferta de trabalho em uma área em escassez de profissionais no país, como tem sido enfermagem durante muito tempo.

Para obter esse visto, o empregador do solicitante terá de se registrar como um patrocinador. Empregadores que não cumprem alguns critérios rigorosos de imigração poderão ser impedidos de trazer trabalhadores estrangeiros.

checklist_points3. Tier three: Trabalhadores pouco qualificados

Esta categoria ainda não está disponível para imigrantes. O governo britânico deseja liberar a entrada no país de imigrantes nessa categoria para suprir necessidades sazonais de trabalhadores temporários, como por exemplo para trabalhar na agricultura em colheitas ou para trabalhar em parques temáticos no verão.

Não existe nenhum previsão de quando essa categoria estará disponível, pois com o aumento de países na União Européia, o Reino Unido tem sido invadido por pessoas de alguns países como Polonia, Bulgaria e Romenia em busca de trabalho temporário.

4. Tier four: Estudantes

Estudantes ganhão pontos no sistema comprovando sua capacidade de se manter financeiramente no país durante todo o curso e tendo a escola ou faculdade como patrocinadora de sua estadia no Reino Unido.

5. Tier Five: Trabalhadores em eventos temporários

Os principais profissionais inclusos nessa categoria são esportistas ou músicos profissionais, que querem “trabalhar” no Reino Unido em um evento como os Jogos Olímpicos ou um jogo de futebol, ou um concerto. Para esse visto, é considerado o fato de que o evento é realizado em um curto e delimitado espaço de tempo.

No site do HomeOffice (departamento britânico que cuida de imigração) você poderá encontrar mais detalhes (em inglês) sobre o sistema de pontuação para obtenção de visto de entrada no Reino Unido.

http://www.ukba.homeoffice.gov.uk

You may also like...

6 Responses

  1. Carolina Bacca says:

    Olá Roberto!
    Tenho lido seus artigos aqui e primeiramente gostaria de parabenizá-lo pela iniciativa.
    Estou com planos de ir pra Inglaterra e montar um pequeno negócio próprio com meu namorado.. ele é inglês , de Liverpool. Porém não possuo os recursos suficientes para solicitar o Tier 1 (£200,000). Qual seria minha outra opção, se é que existe alguma??
    Agradeço retorno.

    • Roberto says:

      Olá Carolina,

      Posso ser direto? Case com ele no Brasil, viaje com visto de esposa, abra seu negócio próprio e seja feliz. Se preferir, vc pode viajar com visto de noiva e casar com ele na Inglaterra, mas nesse caso vc não poderá trabalhar antes do casamento.

      Em breve publicarei um pequeno guia sobre os tipos de visto. Mas não tem muito segredo: Para ter visto de trabalho vc precisa de uma empresa te patrocinando, como visitante ou estudante vc não poderá trabalhar por conta própria, como investidora vc precisa do dinheiro e como namorada de um inglês vc só precisa de um juiz e do visto de esposa.

      De qualquer maneira vc provavelmente terá de usar o nome dele para muita coisa, pois chegando no Reino Unido vc não terá crédito para nada pois não tem tempo de residência.

      Se quiser pode mandar as fotos do casório que eu publico aqui. :D

      Roberto

  2. Paulo says:

    Gostaria de ir pra Inglaterra estudar ingles, alguem sabe quais são os requisitos? Quanto tempo mais ou menos voces achão que demora pra aprender? Obrigado

    • Roberto says:

      Paulo,

      Os requisitos dependem do tempo de estudo. Se for menos de 6 meses vc precisa levar a documentação necessária (que é uma boa lista) e seu visto será emitido no aeroporto ao chegar em Londres.

      Caso vc pegue um curso de maior duração, vc deverá obter o visto antes de viajar.

      Roberto

  3. Livia says:

    Ola, Roberto.
    Li seu artigo e achei otimo.
    Por favor, restou apenas uma duvida, vc poderia me ajudar a esclarecer? Irei com visto de estudante e ficarei em curso durante um ano, como eu poderia fazer para comprovar minha renda e justificar a possibilidade de me manter financeiramente durante todo o periodo em Londres?
    Obrigada.