Dúvidas gerais sobre como obter um visto para o Reino Unido

O que é um visto?

Um visto é um certificado (na forma de selo) que é colocado no seu passaporte ou documento de viagem por um agente de autorização de entrada em uma missão britânica no exterior antes da sua viagem. O visto dá a você permissão para entrar no Reino Unido e permanecer no país pelo tempo explícito no seu passaporte. Lembre-se que um visto para o Reino Unido é válido como sendo um visto para a Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte, pois todos esses estados fazem parte do Reino Unido.

Se você tiver um visto britânico válido, normalmente a sua entrada no Reino Unido não será recusada, a menos que suas circunstâncias tenham mudado, ou você tenha dado informações falsas ou não tenha fornecido dados importantes ao solicitar o seu visto.

Ao chegar ao Reino Unido, um agente de imigração poderá fazer perguntas; portanto, leve todos os documentos relevantes na sua bagagem de mão, mesmo se você já possui um visto pois o agente poderá requisitar algum documento para comprovar a autenticidade do seu visto.

Sou brasileiro. Eu preciso de um visto?

Não. Se você pretende realizar somente uma visita (com prazo máximo de 6 meses) ao Reino Unido com propósito turístico, de negócios ou apenas de passagem em conexão aérea, sem a intenção de estudar or trabalhar no país.

Sim. Se você pretende ir ao Reino Unido com o propósito de estudo, trabalho, religioso, entre outros. O visto deve ser obtido com antecedência junto ao Consulado britânico mais próximo de sua residência, sendo processo intermediado por uma empresa chamada WorldBridge.

Vale lembrar que pessoas com nacionalidade de diversos países europeus (mesmo sendo dupla) não precisam de visto para residir, trabalhar ou estudar no Reino Unido devido aos acordos da união européia. Caso você queira ter mais certeza se você realmente precisa de um visto, utilize o site oficial do governo britânico:

http://www.ukvisas.gov.uk/en/doineedvisa/

uk-work-visaTodos os pedidos de visto para o Reino Unido no Brasil devem ser efetuados com no mínimo 1 mês de antecedência e no máximo 3 meses antes da data da viagem.

Também é enfaticamente recomendado que você solicite o visto antes de viajar para o Reino Unido com qualquer finalidade, nos seguintes casos:

  • se tiver sido alertado anteriormente a obter um visto por um oficial britânico ou;
  • se tiver tido um pedido de visto recusado ou;
    se tiver algum histórico de imigração adverso por exemplo – permanência além do permitido ou trabalho ilegal no país ou;
  • se tiver cometido algum crime ou ofensa previsto no UK Immigration Act 1971 por exemplo – entrada recusada, deportação ou retirada do país por qualquer outro motivo.

A não obediência a essas regras pode levar o indivíduo a ter sua entrada recusada e ser obrigado a retornar ao ponto de origem, perdendo todo ou parte do investimento feito na viagem.

Como obter o visto para o Reino Unido ( Inglaterra, Escócia Irlanda do Norte ou País de Gales )?

O processo de obtenção do visto se inicia na internet. Você deve preencher um formulário de soonline no site

Para obter o formulário de solicitação online, vá até o site: www.visa4uk.fco.gov.uk. É preciso seguir seis etapas básicas:

1. Preencha o formulário de solicitação online e efetue o pagamento da taxa de solicitação de visto.

2. Depois de enviar o formulário de solicitação online, você receberá um email com um número de identificação do seu pedido. Guarde este número para referência futura.

3. É enfaticamente recomendado que você marque um horário para enviar sua solicitação junto ao Visa Application Centre. Atualmente existem apenas 3 VACs no Brasil: Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília É possível marcar um horário online no Visa Application Centre.

4. No dia marcado, leve uma cópia impressa do formulário de solicitação preenchido e o recibo de pagamento online.

5. Leve também duas fotos coloridas recentes tamanho 3,5 x 4,5 cm no dia marcado. A fotografia deve:

* ser tirada em fundo claro (por exemplo, cinza-claro ou bege), não ter sido usada anteriormente, ser clara e de boa qualidade.
* ser revelada em papel fotográfico normal.
* revelar o rosto inteiro, sem óculos de sol, chapéu ou outros adornos na cabeça, salvo por motivos étnicos ou religiosos.

Nota: não serão aceitas fotografias que não atendam a estas especificações.

documents6. Os originais dos documentos de comprovação relevantes ao tipo de visto solicitado. Caso você não forneça a documentação completa, seu pedido será negado.

7. Uma taxa referente ao visto deverá ser paga! Cada tipo de visto tem uma taxa diferente a ser paga. Consulte o site http://www.visainfoservices.com para saber quanto deverá ser pago para a emissão do seu visto.

Para obter informações adicionais sobre os documentos necessários à sua solicitação, consulte as listas de documentos de comprovação do UK Border Agency (site em inglês):

http://www.ukvisas.gov.uk/en/howtoapply/vafs/vafsdocschecklist/

Tenho que fazer o teste biométrico?

Sim. Todas no Brasil que requerem visto para o Reino Unido devem se apresentar pessoalmente em um Visa Application Centre, atualmente presentes no Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo, para que sejam recolhidas amostras digitalizadas de impressões digitais e seja tira uma fotografia digital.

Suas impressões digitais deverão ser escaneadas. O processo de escaneamento de impressões digitais utiliza um scanner eletrônico. Não serão usados tinta, líquidos ou produtos químicos, e o procedimento normalmente leva cerca de dois minutos para ser concluído. Caso você não permita o escaneamento de suas impressões digitais, sua solicitação não poderá ser processada.

Para permitir o registro digital correto das suas impressões digitais, seus dedos devem estar limpos e sem qualquer tipo de adorno (henna, por exemplo), produtos abrasivos ou outros. Sua solicitação não poderá ser processada até que sejam obtidos registros digitais corretos das suas impressões digitais.

Fotografias: Será solicitado o fornecimento de uma fotografia digital no momento do escaneamento das suas impressões digitais. Essas fotos deverão revelar o rosto inteiro, sem óculos de sol, chapéu ou outros adornos na cabeça, salvo por motivos étnicos ou religiosos. Não use roupas brancas, pois isso pode afetar a qualidade da foto.

Procedimentos para a entrevista: Em casos excepcionais, você pode ser solicitado a comparecer a uma entrevista. A equipe responsável pela aprovação de vistos se reserva o direito de tomar decisões com base nos documentos enviados juntamente com o formulário de solicitação. É essencial que sejam enviados todos os documentos relevantes com a solicitação inicial.

Caso seja necessária uma entrevista, está poderá ser marcada na primeira data disponível.

Devolução de documentos:No momento da coleta de material biométrico, o requerente poderá optar entre recolher os documentos processados no Visa Application Centre ou solicitar que estes lhe sejam enviados pelos correios, o que deverá ser pago no comparecimento ao Visa Application Centre.

Como funciona o Sistema de pontos?

A sua solicitação de visto será submetida a uma avaliação com base em um sistema de pontos criado pelo governo britânico. Dependendo do seu propósito de viagem e do tipo do seu visto, você deverá atingir um número de pontos mínimo para obter o visto de entrada no Reino Unido.

Os pontos serão atribuídos a você conforme você forneça, junto com sua aplicação de visto, os documentos requisitados para o tipo de visto que você deseja obter. Caso você não forneça os documentos requeridos ou forneça documentos falsos, o seu pedido de visto poderá (provavelmente será) recusado.

You may also like...

224 Responses

  1. foulkes says:

    Hi

    Sou casada com um Britânico e conforme orientação de vistos eu teria que ir com meu “visto de esposa” já definido para o Reino Unido. Para encurtar a história, eu gostaria de ir como turista e mudar o meu visto no Reino Unido para definitivo… Você acha que isso é possível? Fomos orientados a arrumar a documentação aqui no Brasil, uma vez que não é permitido mudar o visto, segundo terceiros e o que consta no site.

  2. Olá,

    Não te aconselho a ir como visitante e tentar regularizar tudo depois já vivendo no Reino Unido. Isso pode te prejudicar muuuiiito para ter seus direitos basicos como habilitação para dirigir, trabalho, estudo, e etc.

    O processo é relativamente simples, você só precisará solicitar o visto para o consulado britânico no Brasil, fazer o teste biométrico e apresentar toda a documentação. Estando tudo em ordem, você receberá um visto no seu passaporte brasileiro para viver por 2 anos no UK (Parecido com o Family Permit para pessoas casadas com outros europeus). No término dos 2 anos, você deverá enviar toda a documentação para o HomeOffice (orgão britanico responsavel) e eles te darão um visto para mais 5 anos.

    Veja o site oficial do governo britânico: http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/ukresidency/eligibility/partnersandchildren/husbandwifecivilpartner/

    Se você realizar esse processo, e ir como visitante, o seu visto de 2 anos será recusado e após 6 meses você poderá ser tratada como “imigrante ilegal” até que a situação seja resolvida. O processo será mais longo e talvez mais complicado pois você estará tentando “contornar” a lei. Você não terá nenhuma forma de identificação válida como residente no país, sendo assim não poderá pedir nenhum tipo de benefício ao governo, não poderá trabalhar, não poderá estudar (dependendo do tipo de curso e instituição, não poderá viajar sossegada (sequer pra França), não poderá tirar carta de motorista e pode ter problemas com oficiais de imigração/polícia.

    Falo isso com certeza, pois tenho cidadania européia e minha esposa veio com o visto “Family Permit” que é só de 6 meses para parentes de europeus e renovado depois para 5 anos. O HomeOffice demorou um ano para realizar a renovação do visto dela (pois eles estao sobrecarregados de solicitações) e durante todo esse tempo (1,5 anos) ela esteve sem habilitação e teve muita dificuldade para provar seu direito de trabalhar e viver no UK, todas as vezes que era necessário. Ou seja, mesmo tendo feito tudo certinho, foi dificil! Imagina se não tive sido assim…

    Roberto

  3. Silvana Alfarano says:

    Olá,

    Meu marido recebeu uma proposta de emprego na Inglaterra e já a aceitou, assinou contrato e estamos nos preparando para nos mudar o mais rápido possível.
    Para tal pretendo dar entrada no visto baseado em cônjuge da EEA, mas tenho uma dúvida curel:

    Na hora de preencher o formulário tem uma parte que pergunta “Data prevista para saída do Reino Unido”, e como pretendemos nos mudar permanentemente, não temos essa data. O que colocar nesse caso?

    Agradeço antecipadamente.

  4. nadia says:

    Oi todo bem? é assim meu namorado esta em Portugal a estudar tem residência de 5 ano agora quero saber o que documento que ele precisa para ver passar ferias em Londres por favor obrigada

  5. Silvana,

    Apenas marque como data indefinida ou nao marque nada. Como EEA Family voce nao eh obrigada a ter data definida para retorno.

    Nadia,

    Se ele eh portugues, ele so precisa do passaporte ou BI. Se ele eh brasileiro, entao ele precisa levar comprovante de endereco em portugal, passaporte com o visto de residencia portugues, dinheiro para a estadia no UK, passagem de volta e de preferencia uma carta convite sua informando dados como endereco e telefones de contatos. Tudo isso eh apenas para garantir que ele nao tenha a entrada recusada por algum oficial de imigracao.

    Roberto

  6. foulkes says:

    Obrigada pelos esclarecimentos referente vistos.

    Foulkes

  7. Alexandre Rosado says:

    Boa Noite! Sou português e irei a Londres com um amigo brasileiro que tem cartão de residencia em Portugal. Temos carro alugado no aeroporto (mas em meu nome). Que documentos ele precisa de levar? Necessita de visto tendo já a residencia em Portugal? Muito obrigado
    Alexandre

    • Roberto says:

      Alexandre,

      Ele não precisa de visto, mas o oficial de imigração poderá solicitar a ele: motivo da visita, o cartão de residência em Portugal, passagem de retorno para portugal, comprovante bancário (preferencia por cartão de crédito) de que ele tem dinheiro suficiente para se manter em Londres durante sua estadia e comprovante de que a estadia está acertada.

      Esses documentos que citei acima, podem ser solicitados, mas provalvemente o agente de imigração se contentará somente com o comprovante de residência português e a passagem de volta, mas se ele implicar e pedir mais documentos é bom tê-los em mãos para evitar transtornos.

      Abraços,

      Roberto

  8. Alexandre says:

    Boa noite Roberto!
    Muito obrigado pelos seus esclarecimentos. Um abraço. Bem-haja
    Alexandre

  9. Victor says:

    Olá,

    Minha esposa tem cidadania européia e está indo fazer um mestrado de 2 anos na Inglaterra. Planejo ir com ela e como brasileiro entendi que devo aplicar para o Family Permit. Porém, realmente precisarei trabalhar durante esse período para nos sustentarmos por lá, entendi que o family permit me dá esse direito, realmente é simples assim após obter o visto? Chegando lá eu já posso procurar trabalho imediatamente? Li o seu caso e fiquei assustado. Se depois de 6 meses tiver que renovar o visto e o processo levar o mesmo tempo que levou no caso da sua esposa eu não poderei trabalhar nesse período, enquanto o visto está sendo renovado, é isso mesmo? Se eu tiver empregado eu terei que abandonar o trabalho?
    Obrigado desde já e parabéns pelo site

    • Roberto says:

      Olá Victor.

      O seu caso parece ser um pouco mais complicado, pois pelo que entendi sua esposa é européia, mas ela não vai trabalhar.

      1. Para solicitar o family permit, vocês com certeza terão de provar que poderão se manter sem pedir benefícios ao governo britânico. O Family Permit é um visto dado a parentes próximos de europeus, desde que o europeu seja uma pessoa qualificada, ou seja, que possa trabalhar, estudar, e viver sem a ajuda do governo. O processo é simples e não demora muito, mas vocês tem que mostrar evidências de que não estão indo para viver as custas do governo. Quanto mais evidências melhor, como extratos bancários, comprovantes de que vocês possuem bens, comprovante de matrícula da universidade, certidão de casamento, etc

      http://www.ukvisas.gov.uk/en/howtoapply/infs/inf18eeaswissnationals#Q20

      2. Assim que chegar vc pode procurar emprego sim. O máximo que pode acontecer é a empresa ligar para o HomeOffice questionando se você realmente tem direito. As empresas recebem uma multa pesada se contratarem imigrantes ilegais, então isso gera muita desconfiança pois não são todos os empregadores que sabem da existência do family permit.

      3. Depois de seis meses, você terá de solicitar o cartão de residência, que vale 5 anos e substitui o family permit. Hoje o HomeOffice está levando em torno de 3 a 4 semanas pra trocar o visto. Eles melhoraram o processo alguns dias atrás. Durante esse processo você pode continuar trabalhando (se já estiver) e pode procurar emprego se precisar. O problema é que no seu passaporte estará um visto vencido. Você terá uma carta do HomeOffice dizendo que vc tem direito de residir e trabalhar e os empregadores podem ligar para confirmar. O problema é que muitas vezes, vc pode ser descartado de algum processo seletivo pois na visão de alguns, é muito mais fácil contratar alguém que tem o visto no passaporte do que outra pessoa que está com o visto “vencido”. Minha esposa teve muuuuita dificuldade durante esse período. Mas mesmo assim ela conseguiu um bom emprego, 2 meses antes do Home Office devolver o passaporte com o Residency Card. Resumindo, você não perde nenhum direito (exceto carta de motorista, que valerá a brasileira por um ano, e benefícios do governo) mas enquanto o HomeOffice estiver com seu passaporte para dar o Residency Card, você terá que provar pra os empregadores que você não é ilegal (se não estiver trabalhando). Se vc já estiver trabalhando, basta servir um chá pro seu chefe e explicar o caso que ele vai xingar o governo e pedir uma cópia da carta do homeoffice que prova que você solicitou o Residency Card.

      Obs: Não se desvalorize ao procurar emprego e estude muito inglês. Procure trabalhar na mesma profissão que você exerce no Brasil, ou se bobear algo melhor. Tem muito brasileiro com curso superior lavando prato quando poderia arranjar um emprego pra ganhar muito mais.

  10. Ricardo says:

    Olá !

    Mto bom o site mesmo, vamos a minha situação? Se obtiver ajuda seria otimo.

    current situation is….. Trabalho em uma empresa licenciada de uma marca internacional aqui no Brasil.
    Minha namorada esta indo p/ Londres fazer mestrado, e eu vou junto. A noticia boa é que a marca que eu trabalho ja me garantiu um trabalho lá, a ruim é que há alguns ”issues” para eu conseguir o visto de trabalho, sem contar as duvidas.

    Eu nao tenho comprovação academica de ingles, mas pelo que li, na classe Tier 2, na opcao intra-tranfer company, nao precisa comprovação, certo?

    Ainda nao terminei minha faculdade tbem, consequentemente nao tenho diploma de graduação, isso automaticamente me elimina de ter a chance de ganhar visto de trabalho para opcao intra-transfer?

    Ultima.. eu trabalho para, vamos dizer, ”embresa B”, que é licenciada de tal marca (empresa A), porem em Londres eu trabalharia diretamente para a marca (empresa A), então…com este detalhe, é possivel eu aplicar para intra-transfer? Eles consideram a mesma empresa?

    Confesso que já li os applications mas mtas duvidas ficaram,
    nao sei direito para onde correr…. agradeço qualquer ajuda!

    obrigado
    Ricardo

  11. Ricardo,

    1. Na Categoria 2 (Intra-Company) você não precisa comprovar conhecimento de Inglês, segundo informa o site do Home Office. Mas é bom vc ter conhecimento avançado para facilitar as coisas.

    2. Você não tem graduação, mas talvez vc se enquandre no nível de N/SVQ3, que é mais ou menos o nível do curso técnico no Brasil. Vários anos de experiência na sua profissão podem ser equivaler nas qualificações, substituíndo até a graduação.

    3. Não sei se o HomeOffice consideraria como inter-transfer, pelo fato de sua empresa não ser a mesma que a do uk. Só um email ou ligação para eles poderia confirmar, mas acredito que você tem que estar na mesma empresa, pois intra-transfer é uma transferência interna. Pela categoria 2 (Geral) também seria muito mais difícil para você sem as qualificações necessárias…. Talvez seja o caso de vc conversar com a matriz e ver se eles podem te considerar como já sendo um funcionário deles na filial Brasil, talvez trabalhando remotamente.

    Corra primeiro para o site do HomeOffice. Sua empresa vai fazer o mesmo. Tente enteder todo o processo lá.
    http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/workingintheuk/tier2/ict/

    Depois faça o teste de pontos, para verificar se você se qualifica. O processo de liberação do visto é baseado em pontos. Para cada item você ganha x pontos. Se completar 50 você é qualificado a receber o visto.
    http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/pointscalculator

    Lembre-se que sua empresa precisa se registrar no HomeOffice como sendo sua Sponsor e obter junto ao HomeOffice um número de patrocício (certificate of sponsor). Com esse número vc realiza a aplicação ao visto.

    Roberto

  12. Ricardo says:

    Roberto muito obrigado pelo feedback!
    Vou olhar com mais calma os materiais, mas tudo já está mais claro.

    Duvidas volto a escrever!

    tks
    Rica

  13. Victor says:

    Olá Roberto, muito obrigado pela resposta.
    As coisas começam a ficar mais claras, principalmente essas questões burocráticas que assustam muito no início. Realmente temos parar, ler e reler tudo com calma, pesquisar a respeito e tentar entender buscando lições nas experiências de outros. Um outra dúvida que surgiu é que entendi além do visto eu preciso tirar um insurance number para poder trabalhar, entendi certo?
    obrigado mais uma vez

    • Roberto says:

      Sim Vitor, vc precisará de um Insurance Number. Mas é bem simples. É parecido com nosso cpf brasileiro. Basta vc requisitar um no Job Centre Plus com seu passaporte e comprovante de endereço. Provavelmente te darão um número provisiório, e depois de algum tempo enviarão o definitivo. Por lei, nenhuma empresa não pode recusar um candidato por ele não ter um Insurance Number. Eu mesmo, começei a trabalhar sem Insurance Number e não tive problema alguma.

      No Direct gov tem mais informações sobre o Insurance Number.

      Roberto

  14. Sonia Morbey says:

    Ola Roberto,
    Cheguei em Agosto desse ano e estou com o visto de noiva. Me casei com Britanico em Outubro e enviamos nossos documentos e formularios para o Home Office no mesmo mes, solicitando a extensao de 2 anos . Gostaria de saber, quanto tempo geralmente o HOffice demora pra retornar. Eu tenho que registrar o casamento no consulado brasileiro??? Gostaria de saber o que tenho que fazer em relacao a parte burocratica.
    Agradeco desde ja.
    Sonia Morbey

  15. Sonia,

    Não sei o tempo que o HomeOffice demora para o seu caso pois o processo é em um setor diferente do caso de pessoas casadas com alguém da União Européia (mas não britânicos). Tenho alguns colegas que passaram pelo processo e reportaram um prazo de 3 a 8 semanas.

    Quanto ao Brasil, você não é obrigada por lei a registrar o casamento, mas (sempre tem um mas) o seu casamento não será reconhecido perante a lei no Brasil se você não registrá-lo. Isso pode acarretar em problemas para vocês no futuro dependendo do vínculo que você manter com o Brasil no decorrer da sua vida. Por exemplo, vamos dizer que vocês compram uma casa de praia no Brasil juntos, na certidão não constará que vcs estão casados e numa eventuam divisão de bens a coisa pode complicar… ou se vcs decidem registrar um futuro filho como sendo brasileiro, na certidão brasileira dele sempre aparecerá que vcs não foram casados… Se um dia o Brasil passar a ser mais rigoroso com a liberação de vistos, o seu marido poderá ter mais dificuldades obter um…

    A lei brasileira é cheia de armadilhas e nunca se sabe se um dia vc terá de provar para alguém que realmente casou e viveu com seu atual marido. Com uma certidão é muito mais fácil…

    Minha opinião é: registre o casamento no consulado brasileiro. Se tiver um filho, registre como britânico e brasileiro imediatamente. E ensine seus descendentes a fazerem o mesmo.

    A cada dia que passa o mundo está mais globalizado. Hoje estamos aqui, amanhã sabe lá Deus onde estaremos…

    Solicitar qualquer tipo de serviço ao consulado brasileiro é uma experiência bem desagradável, devido a filas, povo mal informado, processos complicados, etc (muito por reflexo da organização do país) e aconselho que você reserve 1 ou 2 dias só pra isso (dependendo de onde vc mora) mas esse trabalho (e stress) de agora pode fazer uma grande diferença para você no futuro.

    http://www.consbraslondres.com (No menu do lado direito tem a opção Registro de Casamento)

    Roberto

  16. Sonia Morbey says:

    Oi Roberto,
    Muito obrigada pela sua informacao.
    Valeu mesmo.
    Abracos,
    Sonia Morbey

  17. Roberta Lima says:

    Boa tarde,Roberto!
    Encontrei este site e achei muito interessante, acredito que poderá me ajudar,pois, estou buscando informações,e não sei por onde começar.
    A minha situação é que meu namorado está em Londres á 3 anos, ele tem a cidadania Italiana, e todas as férias ele vêm para o Brasil, mas este ano ele quer me levar para Londres, mas não sei qual tipo de visto seria o ideal, ou se ele estando aqui no Brasil poderiamos casar no cartório e eu conseguiria o visto,resumindo estamos perdidos,rs* ,

    Atenciosamente e no aguardo de uma ajuda ou orientação.

    Grata

    Roberta Lima

    • Roberto says:

      Olá Roberta,

      Vc precisará do visto de Family Permit para membros da união européia (EEA) que DEVE ser requisitado antes da viagem. Aqui no site tem algumas informações em português sobre o visto de family permit para o Reino Unido, mas seguem mais alguns links:

      Para iniciar a solicitação basta fazer a aplicação no site: http://www.visa4uk.fco.gov.uk/
      Mais informações oficiais podem ser encontradas em: http://www.ukvisas.gov.uk/en/howtoapply/infs/inf18eeaswissnationals e em: https://www.visainfoservices.com

      Na prática, vc deverá enviar a solicitação, fazer um cadastro biométrico com data agendada em SP ou RJ, e caso sua solicitação seja aprovada, vc receberá de volta o seu passaporte com visto para a data solicitada da sua ida. O visto irá durar somente 6 meses e vc deverá renová-lo quando estiver próximo de completar o 6 meses aqui no Reino Unido. Na renovação vc receberá um visto de 5 anos.

      Para obter o visto de Family Permit, além de passaportes (um deles sendo europeu) e fotos atualizadas, existem 2 exigências vitais na aplicação:
      1. O europeu (seu namorado) deve provar que tem condições de trabalhar, de conseguir emprego ou já estar trabalhando e ser capaz de sustentar vocês sem a ajuda do governo britânico durante a estadia no Reino Unido.
      2. Vcs devem provar a união de vcs. O casamento não é obrigatorio mais ajuda. Fotos antigas, conta bancária conjunta, contas com o nome dos dois, etc ajudam muito na aplicação para provar a união de vcs.

      Caso haja recusa por falta de provas vcs tem o direito de recorrer enviando mais provas.

      Se vc não obter o visto de Family Permit e viajar mesmo assim, vc ficará como ilegal após 6 meses.

      Espero ter ajudado,

      Roberto

      • Roberta Lima says:

        Boa noite Roberto!

        Muito obrigada, agradeço pela sua atenção e agilidade em responder e nos ajudar.

        Abraços

        Roberta Lima

  18. Lucas says:

    Boa tarde Roberto
    Espero que vc possa me ajudar. Eu sou brasileiro e sou casado com uma brasileira e ela tem 18 anos, metade da minha familia mora na Inglaterra e eu estou morando no Brasil no momento, eu possuo o visto residence permit, eu gostaria de saber que tipo de visto minha esposa tem direito a receber. por que parece com 18 anos não tem direito ao visto de 2 anos e eu pretendo ir para fica.
    Me ajudaria bastante uma orientação
    Muito obrigado
    Lucas

  19. Yves says:

    Boa tarde Roberto!

    Sou brasileiro, mas possuo dupla nacionalidade (Portuguesa), estou embarcando na proxima quinta feira para a Inglaterra. Pretendo me instalar por tempo indeterminado no pais. Quais sao os documentos q devo dispor alem do BI + Passaporte Europeu?

    Desde ja agradeco

    • Roberto says:

      Olá Yves!

      Somente o passaporte é necessário no aeroporto de Heathrow. O BI eles geralmente nem olham e o passaporte é escaneado. Tendo cidadania européia é super simples e fácil.

      Para abrir conta bancária e registrar-se no GP (médico local) pedirão algum comprovante de residencia inglesa (conta paga ou contrato de aluguel). Possíveis empregadores irão pedir o passaporte e o BI. Para carta de habilitação para dirigir o DVLA irá solicitar ou BI ou passaporte. etc.

      Documentos brasileiros: um dia vc terá que renovar seu passaporte, justificar seu voto para prefeito da sua cidade, etc. Aconselho a você levar todos os seus documentos brasileiros (ou deixá-los com alguém de confiança que possa mandá-los para vc posteriormente) pois é uma canseira solicitar documentos novos no consulado brasileiro e para cada processo eles exigem um monte de documentos (exemplo: reservista(para homens), título eleitoral, cpf, certidão de nascimento, casamento, óbito de conjugue, etc.). Resumindo, típica burocracia brasileira.

      Obs: Todos os brasileiros, inclusive os que possuem dupla cidadania devem utilizar o passaporte BRASILEIRO para entrar e sair do país. Se vc tem dupla cidadania, vc irá sair do Brasil com o passaporte brasileiro e entrar na Inglaterra com o passaporte europeu.

      E não se esqueça de conferir a previsão do tempo. Trabalho perto de Heathrow e o aeroporto tem ficado fechado por várias horas nesses dias por conta da neve… inclusive hoje! Boa viajem e boa sorte com a nova vida!

      Roberto

  20. Fernanda says:

    Olá, Roberto! Muito boas suas informações!
    Me ajude em uma questão: o sistema de pontos para retirada do visto é geral para todo o Reino Unido ou só para a Inglaterra. Sei que para o visto de estudante da Irlanda (que também permite o trabalho) não é exigido comprovante de renda nem extrato bancário, apenas que eu tenha 1000 euros para me maneter no início. Já para a Inglaterra, é necessário ter muito dinheiro em uma conta com meu nome, com o valor determinado para cada mês que se fica no país. E como funciona para o País de Gales? É como na Inglaterra? Por favor, me ajude nisso porque é muito difícil conseguir informações sobre Gales, já que a procura não é muita. Obrigada e aguardo! Abraços!!!!!!!

    • Roberto says:

      Olá Fernanda!

      Até onde sei, todos os vistos do Reino Unido têm as mesmas regras para Inglaterra, País de Gales, Escócia, Irlanda do Norte e algumas pequenas ilhas britânicas. Todas as leis da Inglaterra são aplicadas da mesma fomar em Wales (País de Gales). Variações de leis podem ocorrer apenas com a Escócia e com a Irlanda do Norte, mas mesmo assim são pequenas e raramente ocorrem em leis que dizem respeito a vistos. O sistema de pontos em si foi concebido para o Reino Unido como um país único, mantendo as mesmas regras para todos os estados membros.

      A República da Irlanda (capital Dublin) tem leis diferentes com requerimentos diferentes pois não faz parte do Reino Unido. Repare no site do HomeOffice que trata sobre vistos de estudante que todos as citações são referentes ao Reino Unido, e não aos países membros.

      A diferença financeira que existem é entre grandes cidades como Londres e cidades do interior. Caso vc hospede-se e estude em Londres, deve dispor de um valor maior financeiro para se manter pois o custo de vida é maior em grandes centros.

      Roberto

  21. cam says:

    oi roberto boa noite … preciso muito de ajuda .. meu visto de estudante foi negado , e eu era casada e tinha meu ex marido como meu dependente . nos divorciamos dia 31/12/09 .. ja havia traduzido p ingles e iria enviar p home office avisando que nao estavamos mais justos e que ele nao era mais dependente no meu application so que hj recebi uma carta dizendo que tenho que sair do pais o mais rapido possivel e que tenho que lig em algum lugar pra pegar meu passaporte ….. ( o maior motivo pelo qual me divorciei foi um amaericano que esta em londres com visto de trabalho .. e agente queria se casar , mais agora tudo muda pq terei que voltar p brasil ..) agente pode se casar no brasil e pedir um visto pra que eu possa voltar ???? estou desesperada .. desde ja muito obrigada pela atencao e resposta cam

    • Roberto says:

      Cam,

      Vamos por partes. Vou falar a minha opinião pessoal com base nas opcões que você mesma citou em seu comentário. Não há embasamento jurídico ou qualquer outro que seja por que não tenho nada a ver com o HomeOffice.

      Em primeiro lugar tenha calma. A vida é como uma roda gigante, um dia estamos lá embaixo e noutro dia estamos lá no topo.

      Caso ainda há alguma opção de recorrer à essa decisão do HomeOffice, recorra. Mas pelo que vc contou, acredito que não dá mais para vc recorrer à decisão sobre o visto de estudante. Então talvez seja melhor vc realmente planejar o retorno ao Brasil. Tenha em mente que o HomeOffice tanto pode te dar um “prazo de retorno” ao Brasil como também pode “forçar o retorno”. Já vi relatos de pessoas que foram forçadas a retornar e perderam bens adquiridos, pois simplesmente foram pegas de surpresa pelo HomeOffice, levadas para o aeroporto e não puderam carregar nada consigo.

      É muito raro o HomeOffice mudar o tipo de visto quando a pessoa está residindo no país, a não ser em caso de casamento com alguém de nacionalidade britânica.

      Após casar-se com o americano no Brasil, você pode sim tentar obter um visto para voltar ao Reino Unido. Fica mais fácil obter o visto de esposa pois ele já está trabalhando aqui. Mas o HomeOffice poderá tentar dificultar a concessão do visto de esposa pois você já teria sido deportada uma vez recentemente e o casamento seria muito recente, parecendo um casamento “arranjado”. Ou seja, o retorno não seria garantido.

      Mas também não te aconselho a ficar ilegal no Reino Unido, pois o cerco fecha mais a cada dia que passa. Como diz o ditado, se correr o bicho pega, se ficar o bicho come. Além do que você poderia viver tranquilamente no Brasil ou nos EUA no caso de matrimonio. E talvez vc possa até voltar a residir no UK caso o HomeOffice reconsidere a decisão após o casamento (mas isso dependeria da sorte e talvez fosse necessário passar algum tempo).

      Te aconselho a ouvir mais opiniões além da minha. Explique sua situação tb nos forums http://www.immigrationboards.com e http://www.easyexpat.com/forums/forum_50.htm pq talvez alguém lá te dê mais idéias sobre o que você poderia fazer.

      Boa sorte e espero ter ajudado em algo,

      Roberto

  22. Barbara says:

    Saudações Roberto,
    Meu namorado mora no Reino Unido e estamos planejando nos casar em breve. Sou brasileira e ele ingles. Fiz minha solicitação de visto para 1 ano (visto de visita), tenho carta convite dele,extratos bancarios dele como comprovante de que pode me sustentar esse período e tenho cartão de credito internacional.
    Minha dúvida é: será que isso é o bastante , em termos de documentos, para apresentar ao agente no dia marcado no Visa Application Centre? Se não há garantias de que o visto será aprovado, devo levar as passagens de ida e volta neste dia, ou só minha palavra servirá , no formulário de solicitação de visto? E para nos casarmos…podemos nos casar lá neste período com visto de visita? Como poderemos proceder?
    Agradeço sua atenção,
    Barbara

    • Fernanda says:

      Olá, Parabéns ao Roberto pelo site rico em informações.

      Minha situação é praticamente a mesma da Bárbara. Meu noivo é escocês e acaba de voltar pra Escócia essa semana. Eu fui informada de que teria que ficar no Brasil para pedir um visto de noiva e estou bem apreensiva quanto a esse processo.Ja namoramos há quase dois anos e pensamos em nos casar esse ano no Reino Unido.

      Gostaria de saber se é muito complicado esse visto de noiva porque realmente estou preocupada.

      Desde já muito obrigada;
      Fernanda

      • Roberto says:

        Olá Fernanda!

        Obrigado pelo elogio!

        Não precisa se preocupar muito pois o processo é simples. Como citei anteriormente, lembre-se de entregar para o governo britânico o máximo de documentos possíveis provando os itens que citei para a Barbara. Caso o seu visto seja recusado, você terá um prazo para recorrer e enviar os documentos faltantes.

        Na seção 2 do link abaixo estão todas as regras que serão seguidas para aprovar ou não seu visto. Inclusive que tipo de recusas podem ocorrer.
        http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/sitecontent/documents/policyandlaw/IDIs/idischapter8/

        Não irão inventar nada diferente e…

        Irá tudo correr bem se vc mesma acha que pode provar tudo o que é necessário (3 itens comentados anteriormente) e que você não é uma terrorista pretendendo explodir o castelo de Edimburgo… (bricadeira, mas vão perguntar no formulário) :D

        Roberto

    • Roberto says:

      Olá Barbara,

      Presumo que vocês estão pedindo o visto de noivos (http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/while-in-uk/marriageandcivilpartnership/documents/#header1) que é para quem quer ir para o UK, casar-se e permanecer morando no país.

      Se esse é o seu caso, o seu visto inicial seria de 6 meses e levar as passagens para a entrevista no VAC não é obrigatório, mas eu no seu caso levaria só por garantia, a não ser que houvesse algum prejuízo financeiro ao fazer isso. Se não mudaram o processo, seus documentos serão submetidos a Embaixada Britanica e você receberá de volta pelos correios.

      Lembre-se de levar tudo o que puder para comprovar:
      1. Que o seu marido tem condições de sustentar vcs. Exemplo: Extratos bancários, contrato de trabalho, holerite, currúculo para mostrar que ele é qualificado, etc. Curriculo e diplomas seus também ajudam para provar que você poderá arranjar um emprego e que vocês não dependeram do governo para viver.
      2. Que vcs realmente se gostam, namoram e querem ter uma relação permanente. Exemplo: Fotos, aliança, conta conjunta, etc.
      3. Que você pretendem casar-se em no máximo 6 meses após sua entrada no Reino Unido. Exemplo: Data marcada, negociações por email com uma buffets ou igrejas sobre aquela data.

      Leve o máximo de provas possíveis para tudo. Quando mais melhor. Ninguem recusa visto por excesso de provas. Recusa-se por falta delas.

      Dê uma lida nesse link: http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/visitingtheuk/gettingmarried/

      Roberto

  23. Liene says:

    Boa noite Roberto,
    Peço uma orientação…Meu filho trabalha faz faculdade e se programou para visitar Paris e Londres nas suas féria.Se informou sobre se presisava de visto ou não.E providenciou documento da faculdade, do trabalho,cartão de credito internacional,seguro saude e bagagem,carta do banco onde mantem conta corrente, dinheiro suficiente em especie para permanencia de 20/01 1 10/02 e um cartão sem limite internacional.A passagem de ida e volta para o Brasil comprada via PAris.Cidade onde chegou se hospedou por uma noite pois comprará a passagen para Londres para o dia 21 pelo eurotrem.Ao embarcar na estação foi barrado pelo oficial alegando que ele não tinha dinheiro e nem vinculos no Brasil para voltar,e simplismente bateu um carimbo em seu passaport negando sua entrada em Londres.Agora não sabemos como agir ele pode aproveitar sua estada legal em Paris?Se pode viajar para outros lugares comprando passagen de ida e volta por paris? Se existe alguma forma de tentar ir ha embaixada lá mostrar toda documetação que tem, e com a presença do primo que mora em Londres devidamente legalizado? onde ele iria ficar hospedado pelos dias de estada em londres.
    Enfim tinha tudo documentado, eles alegam que era porque ele não tinha o bilhete de passagen do eurotrem comprado de volta a paris, que o dinheiro era pouco e que o cartão de credito não é dinheiro…que o que ganha ao e pouco para os padroes de lá enfim alegações que não consiguimos entender.a pior de todas e que não tinha o bilhete de trem compradoM, ele nem sabia se voltaria de trem ou avião para PAris.Se errou foi somente nessa questão?
    Aguardo sua opinião.
    Grata
    Liene

    • Roberto says:

      Liene,

      “Agora não sabemos como agir ele pode aproveitar sua estada legal em Paris?” Sim, pois presumo que ele obteve o visto de entrada na França ao desembarcar do avião vindo do Brasil. O carimbo que ele recebeu na França dá direito à estadia de visitante na França. Para entrar no Reino Unido é outro carimbo (visto). Os 2 países fazem parte da União Européia, mas um país não dá visto para o outro. Cada país tem seu sistema de visto. A maioria dos países da União Européia não exige a apresentação do passaporte e um novo carimbo na froteira, após já ter sido carimbado por outro. Mas o Reino Unido exige para todos, independente da origem do viajante.
      “Se pode viajar para outros lugares comprando passagen de ida e volta por paris?” Sim, mas como citei, o visto é para a França. Se ele for para a Itália por exemplo, um novo visto provavelmente não será solicitado para ele, mas para o Reino Unido ele deverá comprovar tudo novamente.
      “Se existe alguma forma de tentar ir ha embaixada lá mostrar toda documetação que tem, e com a presença do primo que mora em Londres devidamente legalizado?” Nunca ouvi falar de alguém que fez isso e surtiu resultados positivos. Se a embaixada se manisfestar, provavelmente aconselhará para ele obter o visto antes de nova viagem. Ou seja, fazer a solicitação de visto e depois embarcar no trem para o Reino Unido, mas isso levaria tempo. Ele obviamente tem o direito de tentar novamente entrar no Reino Unido e “provar” que está carregando a quantia correta de dinheiro mas vai ser difícil considerando o fato de ele ter sido barrado tão recentemente.

      Infelizmente os agentes de imigração nas fronteiras têm o direito de simplesmente recusar a entrada de qualquer pessoa que for “suspeita” para eles. Infelizmente temos centenas de milhares de brasileiros ilegais no Reino Unido, que entram com visto de visitante ou estudante e ficaram por tempo indeterminado. Sendo assim, os brasileiros são mal “vistos” nas fronteiras e com certeza o oficial suspeitou do seu filho considerando a falta de vínculo dele com o Brasil (trabalho) e a falta da passagem de volta para a França, que pela lei de imigração caracteriza falta de interesse no retorno.

      Provalvemente o passaporte do seu filho foi carimbado com um código informando o motivo da recusa de entrada. Eu aconselharia ao seu filho desistir do Reino Unido (por enquanto) e aproveitar o resto da viagem. Se decidir voltar ao Reino Unido, ele deve obter o visto antes de vir na próxima vez, pois já foi recusado uma vez.

      Roberto

  24. Geovana Bezerra says:

    Oi, Roberto!!!

    Primeiro que tudo gostaria de parabenizar o site pelas informacoes claras e precisas. Bem, eu moro na Inglaterra e tenho o visto de esposa para dois anos. Esse visto me da direito a trabalhar? Aguardo respostas!!! Um abraco!!!

    • Roberto says:

      Olá Geovana,

      Sim. Sendo esposa de um britanico ou de um cidadão de um país membro da União Européia você tem os mesmos direitos que o seu marido.

      Vá a um Job Centre Plus, solicite seu Insurance Number e comece a procurar…

      Roberto

  25. Geovana Bezerra says:

    Oi, Roberto!!!

    Muito obrigada pela informacao. Agora me sinto segura p procurar um trabalho.

    Um grande abraco!!!

  26. RODRIGO PIMENTEL.. says:

    Oi Roberto tive lendo seu site ele e nota 10 y vc e um cara super gente boa tirando as duvidas de tanta gente em apuros…
    Vamos ao meu caso q eu ja to ficando meio doido por que cada um fala uma coisa..
    Sou recem chegado da Espanha, vivi la 5 anos, sou casado com uma espanhola faz 2 anos, vim para inglaterra para trabalhar mas quando cheguei aki me informei se podia trabalhar y nao posso, pq eu tenho o documento comunitario espanhol y nao a nacionalidade, mas me falaram q eu tenho direito de trabalhar aki atraves da minha mulher, mas ainda nao sei quais documentos sao necessariios y onde eu tenho q ir para dar entrada nos papeis, gostaria muito q vc tirasse minha duvida se fosse possivel..
    Resumindo sou brasileiro casado com uma espanhola, tenho documento espanhol ” regime comunitario ” queria saber como faco pra tirar um visto de trabalho aki na inglaterra.. Desde de ja te agradeco muito y parabens pelo site…

    • Roberto says:

      Olá Rodrigo,

      Obrigado pelos comentários.

      Pela lei européia, você tem sim direito a trabalhar e residir no UK (pelo fato de ser casado com uma européia), MMMMAASSS você precisa apresentar um visto próprio para isso sim. Ninguém vai querer te contratar pois você não terá um visto no seu passaporte e você não tem um passaporte europeu. A maioria das empresas exigem passaporte até dos britânicos para comprovar que não estão contratando pessoas ilegais. Para conseguir ter habilitação para dirigir também precisa do visto.

      Você tem algumas opções. Vou citar quais são e os prós e contras de cada opção.

      * Naturalizar-se espanhol. Pró: Não sei se vc pode, mas facilitaria muito pois vc não precisaria mais se preocupar com vistos em qualquer país da comunidade européia. Contra: Provavelmente é um processo demorado.

      * Permissão de residência como sendo casado com pessoa da comunidade européia. Pró: É um visto praticamente sem validade. Tem que ser renovado periodicamente, mas é um processo automatico e de direito adquirido, caso vc permaneça casado ou caso tenha permanecido casado por alguns anos. Contra: Tem que ser feito o pedido de visto Family Permit FORA do Reino Unido. Ou seja, o pedido tem que ser feito na embaixada britanica na Espanha ou no Brasil. O Home Office não aceita pedidos realizados no Reino Unido.

      * Permissao de trabalho como sendo um trabalhado qualificado na categoria 2 (geral). Prós: Não vejo nenhum para o seu caso. Contras: Vc tb precisa aplicar estando fora do UK. Pessoas com alguns tipos de visto temporários de residência podem aplicar dentro do UK, mas presumo que você tem visto de visitante. Vc precisa de uma empresa te patrocinando, dizendo para o governo que querem contratar vc permanentemente. O visto tem validade inicial de 3 anos, podendo ser renovado por mais 2, mas vc tem menos direitos de assistência do que nos outros casos e em situações de crise no mercado, falta de emprego para residentes do UK, etc é provavel que a aprovação do visto seja mais difícil.

      Talvez exista alguma outra opção, mas sinceramente não me vem a memória.

      Espero ter ajudado. Boa sorte.

      Roberto

  27. Ola Roberto queria tirar uma duvida com vc se e possivel,cheguei na inglaterra em dezembro de 2009 com um visto para 6 meses ” turista ” no caso ele vence em maio de 2010, queria saber se tem como eu prorrogar o visto para alguns meses mais? No momento estou trabalhando em um restaurante, so q o meu interesse e trabalhar na minha profissao q e engenheiro de som e produtor musical, entao eu gostaria de saber se atraves da minha profissao tem como estender o meu visto?
    Muito obrigado..

    • Roberto says:

      Olá Marcos,

      Infelizmente por lei você não têm o direito de extender o seu visto de visitante (turista) para trabalhar. Na verdade você nem poderia estar trabalhando com esse visto. Se o HomeOffice/Polícia descobre você pode ser deportado e seu patrão duramente multado.

      Confira a lei britânica de imigração para visitantes.

      Para conseguir um visto de trabalho, seria o visto de trabalhador qualificado para a categoria 2, onde vc precisaria de uma empresa te patrocinando, e a aplicação no seu caso, também deve ser feita fora do Reino Unido.

      A outra possibilidade que conheço aplicável a você seria o matrimônio com uma pessoa britânica ou européia.

      Mas em qualquer dos casos, você provavelmente teria que retornar ao Brasil e aplicar para um novo visto.

      Boa sorte,

      Roberto

  28. Fernanda says:

    Obrigada Roberto, me deixou mais tranquila;

    Só mais uma duvida, hehe
    Eu estarei indo para a Escócia em março para fazer um curso de inglês e poder fazer o exame IELTS, que é exigido por algumas universidades. Eu ja estudei nessa escola ano passado, mas fiz um curso chamado “General English”, que tinha uma carga horária de 15 horas semanais.
    Essa semana eu me inscrevi para o curso preparatório do IELTS, que tem uma carga horária de 10 horas semanais, durante 2 meses.
    A escola me mandou um email falando que eu não poderia fazer somente esse curso, porque, por questoes de visto, não posso estudar menos que 15 horas por semana.

    Eu achei um pouco estranho e até dei uma olhada no site do governo e, pelo que entendi, não existe um número mínimo de horas exigido de curso, se vou estudar menos que 6 meses.

    É isso mesmo? Será que a escola está certa ou realmente posso fazer esse curso de 2 meses, 10h/semana?

    Muitissimo obrigada novamente, e parabens pelo seu site, excelente!
    Fernanda :)

    • Roberto says:

      Olá Fernanda,

      Eles estão certos com relação à carga horária para quem está solicitando visto de estudante. Confira esse documento do Homeoffice (pagina 14 – Full time study). Diz: “A General student must be doing full-time study in the United Kingdom”. Full-time significa no minimo 15 horas por semana.

      Mas esse requisito é para quem pega o visto de estudante! Pelo que entendi vc pretende ir com o visto de noiva que até onde sei não tem esse impecílio. Você pretende ir primeiro antes de casar com visto de estudante?

      Roberto

  29. carlyle says:

    Ola Roberto!
    Gostaria de tirar uma duvida com vc, vivo na espanha a 3 anos sou casado com uma espanhola, no caso tenho a residencia comunitaria de la, vim para inglaterra no dia 8 do mes passado, me pararam perguntando onde eu ia e onde vou ficar, no caso falei que ia vim por uns 5 dias, o q nao era verdade na verdade queria vim pra trabalhar mesmo, eu acho o que atrapalhou muito tb e que eu comprei a passagem so de vinda, mas todos falam que com o meu documento eu posso entrar e sair isso que eu n entendo ate agora, eu acho que so vc pode tirar minhas duvidas pq o povo fala muito tb, entao, fiquei la preso por quase 7 horas, me fizeram umas 3 entrevistas, falaram que eu tava levando muita roupa um monte de coisas, ai eu falei com eles que sou casado com uma espanhola, que tenho casa na espanha, que minha vida e la y tal, etc…
    Agora vem minhas perguntas, pelo que eu sei eu posso entrar e sair nos paises europeos quando eu quiser por que o meu documento espanhol me permite isso, se nao for assim vc me fala, pois entao la eles pegaram a digital dos meus 10 dedos, me tiraram foto e carimbaram meu passaporte como turista, “passaporte brasileiro” eu nao sei se o procedimento deles foi o certo, so que em marco tenho que ir na espanha resolver uma coisa e me da medo sair e depois eles nao deixarem eu entrar, gostaria de saber se eles podem faz\er isso, por que no caso eles ficaram com todos meus datos, como te falei ate digital…
    Muito obrigado Roberto..

    • Roberto says:

      Olá Carlyle,

      Segundo a lei européia, todos os países membros da União Européia permitem a familiares não-europeus (conjuges, filhos, etc) a residir, trabalhar e estudar em qualquer país da União Européia, desde que estejam acompanhados pelo nacional europeu.

      MAS na lei européia também consta que todos os países podem exigir um visto ou permisão familiar dos familiares não europeus, que assegura os direitos dessas pessoas em seus territórios. Na espanha é o cartão de residência comunitária e no Reino Unido é a Family Permit e o Residence Card.

      Um cartão de residência de um país não é reconhecido “oficialmente” pelos outros, exceto em pequenas exceções. As pessoas confundem pois a maioria dos países europeus não impõe as suas leis de imigração tão rigidamente como o Reino Unido.

      E acontece que o Reino Unido não emite o Family Permit no aeroporto, tampouco dentro do país. O Family Permit é emitido apenas nas embaixadas britânicas fora do país. Ou seja, para obter a permissão de residência britânica, você deve solicitar na Embaixada Britânica na Espanha ou no Brasil antes de vir residir, trabalhar, estudar, etc.

      Quando você chegou no Reino Unido, você não tinha visto. O oficial de imigração iniciou uma investigação para averiguar quais seriam suas intenções. Se você falasse que era trabalho, provavelmente iriam te deportar. O certo, seria você apresentar o Family Permit para o oficial de imigração, e te aconselho a correr atrás disso o mais rápido possível.

      Com visto de turista você não têm direito a trabalhar. Se trabalhar, estará sendo ilegal, você poderá ser preso e deportado e seu patrão preso e duramente multado. Empresas sérias (a esmagadora maioria) não empregam familiares não-europeus sem o Family Permit ou Residence Card.

      Quanto aos seus dados, eles apenas registraram que você entrou como visitante. Se você voltar daqui uns 3 meses com o mesmo visto de visitante, podem implicar de novo e dependendo do que você falar podem até te deportar. Aí fica complicado até para tirar o Family Permit, pois constará um problema de imigração grave no seu histórico.

      Se eu fosse você, voltaria para a Espanha, entraria no site de emissão de vistos do UK, faria a solicitação de visto através da embaixada espanhola, após aprovado eles iriam colocar um selo de Family Permit no passaporte. Com esse selo você pode chegar na fronteira/aeroporto do UK e falar que veio trabalhar, morar, estudar etc sem problema nenhum.

      Responda esse questionário e vc terá mais informações. Obs: No proposito da sua visita coloque “Join Family”.

      Lembrando que para tirar esse visto, vc tem que provar que sua esposa terá condições de trabalhar no UK, que vcs realmente são casados e que vcs não pretendem obter benefícios do governo. Vcs 2 terão de enviar os passaportes e outros documentos originais para a Embaixada britânica.

      Espero ter ajudado,

      Roberto

  30. Carlyle says:

    Roberto muito obrigado pela sua paciencia e atencao, tirou muito as minhas duvidas, so queria te pergunta uma coisa, vc acha que seria possovel pedir o selo do Family Permit eu estando aki na inglaterra, tipo, minha mulher esta na espanha e eu aki, sera que tem como eu manda meu passaporte pra ela e ela fazer isso de la, claro que eu imagino que n seria o correto, mas sera que tem como? E qnt tempo demora mais ou menos para q eles te entregam o passaporte com o selo e outra pergunta tem alguma possibilidade deles negarem o Familly permit?
    Muito obrigado..

    Mais uma vez muito obrigado..

    • Roberto says:

      Carlyle,

      1.) Acredito que seria muito complicado solicitar o visto à distância. Não sei se o procedimento seria diferente na embaixada britânica na Espanha, mas em São Paulo (que deve ser bem similar) o solicitante deve preeencher um formulário pela Internet e agendar uma “entrevista”. Na entrevista, o solicitante do Family Permit entrega toda a documentação e realiza o cadastro biométrico. Alguns dias depois ( aprox. 2 a 3 semanas) os documentos são devolvidos pelo correio com a resposta positiva ou negativa.

      2.) O tempo de processamento depende da embaixada britânica. Só eles poderão te dar uma data precisa, mas no seu caso, eu estaria preparado para no mínimo 1 mês (por garantia). Oficialmente, a embaixada britânica em SP pede que a solicitação do visto seja pedida com 2 ou 3 meses antecedendo a viagem. Mas na Espanha deve ser mais rápido devido à proximidade com o Reino Unido.

      3.) Sim, o governo britânico pode negar a emissão do Family Permit. Caso vc não comprove os requisitos para a obtenção do Family Permit eles poderão recusar. Por isso é importante mandar o máximo de documentos possíveis. Caso o pedido seja negado, vc tem um prazo para recorrer.

      Boa sorte,

      Roberto

  31. Anne Helenne says:

    olá! preciso muito de sua ajuda, acabei de descobrir o site e já me ajudou bastante, faz um ano q eu namoro um britânico, ano passado no natal nos noivamos, daí fui a inglaterra em janeiro dia 06 passei 20 dias, voltei semana passada dia 26, não tive problemas para em entrar, já que eu estava acompanhada com ele, recebi o visto de 6 meses, mesmo assim voltei em 20 dias, por que fui com interesse de conhecer o país ea familia dele. Agora que voltei comecei a correria para conseguir o visto, queremos casar, só que estamos em duvida se aqui ou lá, meu noivo mora em pais de gales. Eu procurei saber informações e me informarão que o visto certo para mim seria o de noiva onde e necessario casar em 6 meses. Estou muito confusa e amanha vou ligar para o consulado para obter mais informações e queria saber se você poderia me ajudar, a saudade está grande e o quanto antes eu resolver melhor, eu moro em joão pessoa e todos os consulados ficam longe, é necessario que eu va la para dar entrada? que tipos de documentos seria importante mandar? desde já agradeço pela sua atenção! muito obrigada!

    • Roberto says:

      Olá Anne,

      Realmente vc necessita do visto de noiva, que lhe dá 6 meses para casar. Dê uma olhada nesse site onde tem todo o processo: http://www.ukvisas.gov.uk/en/howtoapply/infs/inf4husbandswivespartners. Estarei publicando em breve um artigo em português sobre vistos para noivas(os) aqui no site também.

      Provavelmente você terá que ir até o Rio de Janeiro, Brasília ou SP. Após fazer sua aplicação pela internet, vc deverá agendar um dia para comparecer na Worldbridge (empresa do consulado britânico que tem escritorios nas 3 cidade que citei) para fazer seu cadastro biométrico, entregar a documentação e talvez entrevista (caso a embaixada britânica solicite). Alguns dias depois eles enviam seus documentos de volta pelos correios.

      Roberto

  32. Fernanda says:

    Olá Roberto,

    Eu pretendo solicitar o meu visto de noiva em setembro, porque assim tenho tempo e dinheiro para organizar meu casamento (por que tenho 6 meses pra casar, depois de solicitar o visto de noiva). Mas antes disso, eu quero ir em março agora estudar por 2 meses só, e não preciso do visto de estudante, pois são menos de 6 meses, não é isso?
    Assim, como não precisaria do visto de estudante, eu seria uma “student visitor”? Que não tem restrição quanto ao minimo de horas estudadas por dia?

    Obrigada denovo :)

    • Roberto says:

      Fernanda,

      Tens razão Fernanda. Vc precisa do visto de Student Visitor, que é para cursos menores de 6 meses.

      Confira o link: http://www.ukvisas.gov.uk/en/ecg/visitandtransit/studentvisitor

      Nesse caso, contraria o que a escola e o que eu falei no outro comentário (pois eu estava pensando no visto de General Student). No seu caso não há carga horária semanal mínima para o curso. No link acima está bem claro: “The course of study does not need to meet the requirement that it is a full-time course, or that it must consist of a minimum of 15 hours daytime study per week. For a student visitor the course of study may begin after 6pm in the evening eg evening classes, or can take place at the weekend. ”

      Tente mandar esse link para a escola ever o que eles falam.

      Roberto

  33. Fernanda says:

    Obrigada Roberto,

    Ja contactei a escola e mandei o link; Só estou agora esperando uma resposta deles.

  34. Rodrigo Pim... says:

    Muito obrigado pela atencao Roberto, te agradeco de coracao..
    Vlw mesmo..

  35. Marcos says:

    Sobre obter meu visto,não tenho mais dúvidas.
    Muito obrigado…

  36. ALINE says:

    OLA ROBERTO..
    UMA AMIGA ME INDICOU SEU SITE PRA TIRAR UMAS DUVIDAS..
    TENHO UM VISTO PRA ESTAR AQUI NA INGLATERRA POR 6 MESES, NO CASO VIM DA ESPANHA COM O DOCUMENTO COMUNITARIO DE LA, POR SER CASADA COM UM ESPANHOL, ENTREI AQUI EM JANEIRO DESSE ANO, EM MARCO AGORA TENHO UMA CONSULTA MUITOOO IMPORTANTE NA ESPANHA, GOSTARIA DE SABER SE QUANDO EU VOLTAR EU CONSIGO ENTRAR SEM PROBLEMAS ATE POR QUE O MEU VISTO NAO VAI ESTA VENCIDO E TB QUERIA QUEW VC ME DESSE UMA DICA DO QUE EU TENHO QUE FALAR COM ELES QUANDO EU VOLTAR, SERA QUE EU CORRO RISCO DE NAO CONSEGUIR ENTRAR DE VOLTA?
    MUITO OBRIGADO, BEIJOO.
    ALINE.

    • Roberto says:

      Olá Aline,

      Caso vc esteja voltando apenas para continuar sua visita e tenha uma passagem de volta para a Espanha antes do seu visto de visita expirar dificilmente vc terá problemas. Caso vc esteja residindo e trabalhando/estudando no Reino Unido, então aconselho a você correr atrás do Family Permit. Os oficiais de imigração, se implicarem com você iram investigar suas intenções.

      De acordo com a lei européia, não-europeus casados com membros da comunidade européia têm os seus direitos assegurados desde que estejam acompanhados por seus conjuges, ou seja, a melhor maneira de vc evitar problemas é estando acompanhada do seu marido. Caso contrário, tudo irá depender do humor do oficial da imigração e da disposição dele em investigar vc ou não.

      Roberto

  37. Aline says:

    Desculpa faltou mais uma pergunta, aqui em londres a policia esta parando muita gente, no caso eu so ando com o meu documento espanhol nao ando com o meu passaporte brasileiro, sera que tem alguma coisa a ver, posso continuar andando so com o meu documento de residencia da espanha ou tenho q andar com ele e o passaporte?
    Mais uma vez obrigado.
    Beijo..

    • Roberto says:

      Aline,

      Sendo visitante, é melhor que vc ande com o seu passsaporte. Policiais podem não se satisfazerem somente com o documento comunitário espanhol. O seu documento na Espanha garante seus direitos na Espanha. No Reino Unido esse documento praticamente não tem validade. Pode servir como comprovação de que você é casada com um europeu, mas não garante seus direitos de ir e vir sem visto no Reino Unido.

      Algum tempo atrás ocorreu um caso em que uma brasileira casada com europeu foi deportada. Com certeza isso aconteceu pq ela não conseguiu comprovar os direitos dela com documentos britânicos ou de validade assegurada no território britânico (ex: passaporte). Acho que esse é um caso muito extremo e raro de acontecer, mas não custa prevenir.

      Para quem já reside no Reino Unido, a carteira de habilitação para dirigir pode ser um bom ID no lugar do passaporte. Mas como sempre, tudo depende da vontade do policial em investigar sua vida ou não. Tem policial que só pergunta, vc responde e ele fica satisfeito. Outros já não são tão práticos…

      Roberto

  38. Elias Novais Pereira says:

    Olá Roberto.

    Sou brasileiro e gostaria de fazer uma viagem a Londres (eu e minha esposa) para visitar a cidade por um período de 8 dias. Que tipo de visto preciso? Qto devo levar em dinheiro?

    Obrigado

    • Roberto says:

      Olá Elias,

      Vc irá obter o visto de visitante no próprio aeroporto ao aterrisar em Londres (carimbo no passaporte).O oficial de imigração pode exigir que vocês comprovem que possuem 800 libras para cada semana em Londres (no seu caso umas 1000 libras estaria bom). Te aconselho levar parte em dinheiro e a maior parte em cartão de crédito internacional. O oficial também pode exigir que vocês dois apresentem passagem de volta, comprovante de vínculo com o Brasil (comprovante de emprego por exemplo), seguro saúde e comprovante de sua hospedagem assegurada no Reino Unido.

      Roberto

  39. Anne says:

    olá! eu estou noiva de um britanico, ele nasceu na inglaterra e mora em gales, faz duas semanas que eu voltei e estamos num dilema casar no brasil ou no reino undo? por que para casar la eu descobri que e necessario o visto de noiva,mais o melhor seria casar aqui no brasil e pegar o visto de esposa, ou tentar o visto de noiva e casar lá! e o que custaria menos, sei q s se resolve no rio eu sou da paraiba, tem q pegar um vôo para o rio , traduzir papeis o que você me aconselha ja que estamos nesse dilema e como não sei muita coisa estou totalmente perdida!

    desde ja agradeço!

    :) muito obrigada!

    • Roberto says:

      Olá Anne,

      Felizmente não conheço ninguém que casou duas vezes e passou pelas duas situações para compará-las. :D

      Sinceramente acho que o custo que você vai ter é parecido e de qualquer forma você terá que ir ao Rio de Janeiro (para visto de esposa ou noiva). Os dois processos têm requisitos parecidos. Vc terá que provar o relacionamento de vocês. Faria uma grande diferença somente se vcs já fossem casados a mais de 4 anos, possibilitando a vc obter um visto permanente.

      Se vc pedir o visto como noiva, será dado um visto de 6 meses para o casamento, e após o casório vc ganharia um visto de 2 anos.

      Se casar antes, vc terá um pouco mais de trabalho com a burocracia de cartórios no Brasil e eventual tradução dos documentos.

      Nesse link (http://www.bia.homeoffice.gov.uk/partnersandfamilies/partners/) você pode ver os detalhes dos 2 processos como wife ou como fiancé.

      Roberto

  40. Aline. says:

    Olha eu aqui de novo te pertubando Roberto, rsrsr..
    E q eu to doidinha, ja te contei o meu caso ai acima, queria saber se tem alguma maneira de eu pegar meu visto aqui na inglaterra, sendo q meu marido esta na espanha e eu aqui, sera q tem alguma forma de fazer isso, pq eu ja estou aqui e ele esta la e nao pode vim agora por problemas pessoais, no caso se ele tiver q vim por uns dias so pra assinar alguma coisa, sei la vim aqui so pra me ajudar ele vem, mas n podera ficar, ele vai vim so q vai demorar um pouco, no caso ele me falou q me deixa o passaporte tudo q eu precisar dele, desculpa esta te incomodanda, mais uma vez muito obrigado..
    Grande beijoo.
    OBS: Me ajuda a buscar uma saida por favor..
    Fica com Deus.

    • Roberto says:

      Olá Aline,

      Infelizmente o Family Permit (que é o visto que você precisa) só é emitido nas embaixadas britânicas fora do Reino Unido! Você até pode tentar enviar um email questionando o HomeOffice (nesse link: http://www.bia.homeoffice.gov.uk/contact/contactspage/?item=217535), mas nunca ouvi falar de exceções com aplicações sendo feitas sendo feitas por pessoas aqui dentro. (Vc não precisa informar dados pessoais para perguntar pra eles.)

      Vcs 2 terão que enviar os passaportes e mais alguns documentos para a embaixada britanica na Espanha. Vc terá que fazer cadastro biométrico lá e seu marido terá que vir com você até aqui. A lei fala que você tem seus direitos assegurados no Reino Unido caso o seu marido europeu esteja junto. Após 6 meses, vc deverá trocar o Family Permit pelo Residence Card. Nesse caso, os 2 passaportes tem que ir para o HomeOffice e o prazo de resposta pode ser longo…

      Infelizmente não tem jeito… Eles fazem de uma forma pra complicar e filtrar antes quem vem residir no Reino Unido, mesmo se a pessoa for casada com alguém da comunidade européia… Os únicos vistos (que eu lembro) que podem ser pedidos aqui no Reino Unido é asilo e casamento com pessoa britânica.

      Obs: dê uma lida nos outros comentarios que falei mais sobre o assunto…

      Roberto

  41. Olá Roberto, Boa Noite
    Estou definitivamente perdido aqui no site do governo Britanico
    Eu tenho 16 anos, quero estudar 1 ano no Reino Unido.
    Ja tenho onde morar lá, na casa do meu primo na cidade de Loughborough.
    Esta muito complicado para mim, Voce pode me explicar passo-a- passo? onde ir no site? onde clicar?
    Onde me cadastrar?

  42. Anne Helenne says:

    olá novamente , primeiramente obrigado pela dica, a minha preocupação e se como visto de noiva seria mais complicado de conseguir do que o de esposa , casar aqui e participar da entrevista e viajar em seguida quando sair o resultado, eu estou procurando pela solução mais econômica ate por que eu sei que se conseguir o visto de noiva eu não vou poder trabalhar e se apos o visto de noiva e o casamento eu preciso pagar novamente pelo visto de esposa. e como seque o processo por que eu moro em joao pessoa, teria como dar entrada e pagar e so comparecer se necessitar entrevista, ou se eu viajo pro rio do entrada la.. e fico la ate a resposta?

    muito obrigada pela atenção !

    desde ja agradeço!

    • Roberto says:

      Anne,

      Seja lá qual for o resultado, até onde sei você poderá receber pelos correios. Primeiro você terá que realizar o cadastro biométrico, e nesse mesmo dia você entregará toda a documentação pessoalmente, sendo essa data marcada quando você faz a aplicação online.

      Não sei se vc poderá antecipar ou agendar a entrevista pois isso depende de cada embaixada. Esse detalhe você tem que confirmar com o Worldbridge ou com a embaixada britânica no Rio. Cada embaixada ou escritório do Worldbridge pode ter processos diferentes…

      Vc está certa com relação a não poder trabalhar com o visto de noiva. Tinha me esquecido desse detalhe. E se vc realmente quer começar a trabalhar logo que chegar no Reino Unido, então o melhor mesmo é vcs casarem no Brasil.

      Roberto

  43. Raquel says:

    Oi Roberto
    Achei seu site nas inumeras pesquisas que tenho feito sobre intercambio p/ Londres.
    Meus planos eram ir p/ la estudar durante 1 ano com uma amiga.
    hoje ela me ligou dando a pessima noticia que o governo mudara a lei a partir do dia 3 de março…
    o que esta pegando é: ela nao tem $ na conta dela, e nem os pais..eu tenho na conta da minha mãe…mas pelo que li o $ tem que estar na conta durante o periodo de 28 dias, certo?
    eles realmente nao querem mais estrangeiros por la! estou mega desapontada :(
    melhor desistir, ja que nao teremos tempo de dar urm jeito nessa situação?

    E vistos p/ Irlanda, sao mais faceis de tirar? acho que seria uma opção na europa ja que poderiamos estudar e trabalhar tb…
    obrigada!!!

    Raquel

    • Roberto says:

      Olá Raquel,

      Na verdade o governo britânico faz esses requerimentos para vistos de estudante desde o ano passado. O dinheiro tem que estar na conta ao menos por 28 dias e o valor varia dependendo do tempo do seu estudo e do lugar onde vc ficará vivendo. Se for Londres é mais caro. Clique aqui para ver o site do governo britânico.

      Na verdade o Reino Unido quer sim mais estrangeiros no país. As políticas governamentais estão bem direcionadas nesse sentido e o Reino Unido tem os melhores indices de aceitação de estrangeiros entre os países da União Européia. Mas ao mesmo tempo, ninguém quer mais imigrantes ilegais. E infelizmente, muita gente vêm para o Reino Unido para “estudar” e acaba ficando para trabalhar… e por consequencia se tornando ilegal… por isso são intituídas essas regras.

      Infelizmente não sei detalhes sobre a República da Irlanda (capital Dublin) pois é outro país com leis diferentes do Reino Unido. Sei dizer que a Irlanda do Norte (Capital Belfast) segue as mesmas regras da Inglaterra e Escócia, por fazer parte do Reino Unido.

      Na minha opinião pessoal, outros países da Europa como Portugal e Espanha devem ter menos requisitos de visto, mas não sei detalhes…

      Espero ter ajudado,

      Roberto

  44. Ceiça Ramalho says:

    Ola!
    Gostaria que vc me respondesse a seguinte questão: Moro em Portugal, há 10 anos, tenho visto de residençia. Recebi um proposta para ir para englaterra. Com este visto posso trabalha lá, sem problema ou tenho que tirar primeiro minha nacionalidade Portuguesa?
    Qual o procedimento que devo fazer para minha legalização ?

  45. Filipe says:

    Olá Roberto, boa tarde!

    Vê só, morei 8 meses na Inglaterra (visto de turista) e agora minha empresa quer que eu volte pra lá apoiado no sponsorship deles. Já fiz o cálculo de pontos pelo TIER 2 (ICT) e verifiquei que alcanço os 50 pontos. A questão é: quem pode ir comigo? O site oficial diz o seguinte:

    “Since visas of this kind may lead to indefinite leave to remain, tier 2 makes provision for the spouse, common law, civil or unmarried partner of the applicant and any dependent children to move to the UK at the same time.”

    Spouse, common law, civil or unmarried partner… não ficou muito claro pra mim que documentos ou condições definem cada grupo… sendo assim, gostaria de saber se uma declaração de união estável serve como prova para levar minha namorada comigo, pois não pretentemos nos casar agora.

    Há alguma alternativa? Muito grato desde já!

    Um abraço!

    • Roberto says:

      Olá Filipe,

      Sim. Sua namorada pode ser inclusa no seu pedido de visto. Ela entra como sendo “unmarried partner”. Esse tipo de relação é muito comum aqui no Reino Unido (casais que somente namorando e vivendo juntos por anos…)

      Vcs terão que provar que realmente têm uma relação (fotos antigas, documentos/contas que tenham o nome dos 2, etc) e também terão de comprovar os fundos para sustentá-la. Se a sua empresa informar ela como sua dependente, o processo poderá ser mais fácil, principalmente na parte de comprovação dos fundos.

      Dê uma olhada nesse link: http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/workingintheuk/tier2/general/dependants/

      Roberto

  46. Filipe says:

    Roberto, muito obrigado pela pronta resposta!
    Bom, não possuímos, além das fotos, nenhum documento para provar que nossa relação é duradoura.
    Porém, fiquei sabendo que existe uma declaração de união estável, podendo ser feito em um cartório.
    Este documento serve como comprovante?
    E minha empresa irá sim declará-la como dependente… em que sentido isso poderia tornar o processo mais facil?
    Um abraço!

    • Roberto says:

      Ola Filipe,

      A declaração de união estável ajuda, mas não deve servir como comprovante único. A solicitação é avaliada por um oficial de imigração, e vai depender da opnião dele se só a declaração basta. Na verdade a declação não tem validade no Reino Unido, mas o oficial que avalia fica no Rio de Janeiro, então ele pode considerar. Mas é recomendável que vc mande tb ao menos algumas fotos, de várias épocas do relacionamento de vcs. Quanto mais provas melhor.

      O processo fica mais fácil de ser aprovado se a sua empresa declara sua namorada pois na visão do governo britânico, a sua empresa estará se responsabilizando por manter financeiramente vc e a sua namorada. A maior preocupação do governo em conceder vistos de dependentes de quem está trabalhando é saber se a pessoa vai ter como se manter no Reino Unido.

      Roberto

  47. Fernanda Oliver Dres. says:

    Oi Roberto tudo bem?
    Meu noivo é inglês, e o que me mantinha no Brasil era minha mãe mas ela faleceu recentemente e meu noivo quer que eu vá morar com ele em Londres.
    Ele me disse algumas coisas sobre pegar o visto para noivar antes de viajar, mas ainda tenho algumas dúvidas.
    E u falo pouquissimo o ingles, comecei a estudar a língua recentemente, meu noivo fala portugues e no momento não tenho condições financeiras de viajar com muito dinheiro.
    Voce acha que mesmo tendo um relacionamento , e nessas circunstâncias o serviço UK pode negar minha entrada no país, e mesmo meu noivo comprovando que quer se casar comigo e que vive numa situação estável em Londres?
    Desde já agradeço sua atenção.

    • Roberto says:

      Olá Fernanda,

      Vc tem 2 opções, ir como noiva e casar na Inglaterra ou casar no Brasil e ir com visto de casada.

      Indo como noiva, vc terá que provar que irá casar em até 6 meses depois de chegar na Inglaterra, provar que tem condições de se sustentar por esses 6 meses sozinha sem poder trabalhar e provar o relacionamento de vcs.

      Indo já casada, vc terá que provar que vcs estão casados (não é um casamento de conveniência) e que vcs dois podem se sustentar por si próprios sem a ajuda do governo.

      Perceba bem a diferença. Como noiva VC terá que provar que pode se manter sozinha até o casamento, e não poderá trabalhar. Se o seu dinheiro é muito curto, te aconselho a casar antes no Brasil, e isso reduz mmuuuito a possibilidade de uma recusa no pedido de visto.

      O seu conhecimento da língua inglesa não deve ser avaliado no processo. É direito de qualquer cidadão britânico (seu noivo) casar e viver com quem ele desejar independente da nacionalidade, raça, cor, conhecimento da língua inglesa, etc…

      Roberto

  48. Fernanda Oliver Dres. says:

    Oi Roberto muito obrigada por sua ajuda,
    Apenas mais uma dúvida?
    Caso eu vá a Inglaterra com o visto de casada, lá eu poderia trabalhar, levar uma vida normal tirando a burocracia da documentação a ser feita como Esposa reconhecida?

    • Roberto says:

      Fernanda,

      Chegando na Inglaterra com visto de casada vc tem direito a praticamente tudo o que seu marido tem: Residir, dirigir, trabalhar, estudar, pagar imposto, etc. No começo vc pode ter restrições, pelo fato de vc ter pouco tempo de residência, mas seria somente em coisas muito específicas (alguns tipos de benefícios para facilitar compra de casa, ou estudo, etc requerem 2 ou 3 anos de moradia no país).

      Como noiva vc teria apenas os direitos de visitante enquanto o casamento não for oficializado.

      Roberto

  49. Bruno Miguel says:

    Ola Roberto…

    A minha mulher tem nacionalidade Portuguesa
    Eu Vivo em Portugal tenho nacionalidade Moçambicana Com passaporte moçambicano e Residencia Europeia estou casado com ela a menos de 1 mês pretendemos viajar para Inglaterra para trabalhar, vamos ficar alojados na casa de um amigo enquanto nao arranjamos trabalho, como somos casados a pouco tempo não temos contas em conjunto nem qualquer tipo de prova que estamos casados só mesmo a papelada do casamento.
    Gostaria de saber se posso viajar com ele sendo ela minha esposa, e se sim que tipo de Visto posso solicitar ?
    E Como?
    agradecia a sua resposta …

    • Roberto says:

      Bruno,

      Vc deve solicitar o visto de Family Permit antes de viajar. Para provar o casamento vc pode apresentar os documentos e algumas fotos do casório, isso talvez já seja suficiente. Atente-se ao fato também de que vcs terão de provar que sua esposa estará apta a trabalhar e irá procurar emprego. Currículo e diplomas dela geralmente servem como provas.

      Não viaje sem obter o visto de Family Permit, pois o visto é emitido somente fora do Reino Unido. Outra opção melhor pra vc seria obter cidadania portuguesa, mas deve levar um bom tempo pra conseguir.

      Roberto

  50. Diego Machado says:

    Olá Roberto, tudo bem?
    Então, eu moro no Brasil, namoro com uma Inglesa e a mesma mora aqui com visto de estudante há 2 anos, ela adquiriu apartamento, casa e afins aqui em Salvador, porém por circunstâncias familiares terá de voltar para a Inglaterra, dentro desse contexto estamos noivos há 2 meses, e ela quer que eu vá morar com ela la em Bristol, que é a terra natal dela, estou meio perdido, vejo que são muitas informações, me baseio sempre no site worldbrigde.com e pelo site que fornece os vistos, se não for inportunar desejaria que me ajudasse como devo proceder para realizar minha entrada no país e me casar com ela. Na verdade qual a lista de requisitos que devo ter para conseguir essa entrada, agradeço de antemão pela atenção, obrigado.

  51. PAULO says:

    OLA ROBERTO, GOSTARIA DE TIRAR UMA DUVIDA, ESTIVE NA INGLATERRA 2 MESES VOLTEI DE LA FAZ 15 DIAS, NO CASO QUANDO ENTREI, ENTREI COM O MEU DOCUMENTO COMUNITARIO DA ESPANHA, FOI ATE DIFICIL ENTRAR MAS ENTREI, FIQUEI LA 2 MESES E VOLTEI PRA ESPANHA, NO CASO QUERO VOLTAR PRA LA E TENHO MEDO DE N CONSEGUIR ENTRAR, MEU VISTO E DE 6 MESES E AINDA N ESTA VENCIDO NO CASO AINDA FALTAM 4 MESES PARA VENCER, FIQUEI SABENDO Q SE EU FOR SOZINHO ELES PODEM COLOCAR ALGUM OBSTACULO PARA Q EU POSSA ENTRAR, MAS SE EU FOR COM A MINHA ESPOSA Q E ESPANHOLA EU ENTRO NA BOA SEM PROBLEMAS, GOSTARIA DE SABER DE VC O Q TEM DE VERDADE NESSA PEQUENA HISTORIA Q TE CONTEI OU ALGUMA SUGESTAO Q VC POSSA ME DAR..
    DESDE LOGO MUITO OBRIGADO.
    FIQUE COM DEUS.

    • Roberto says:

      Olá Paulo,

      Sugestão? Vai com sua esposa que a chance de problemas são bem menores. Nem que seja só para ela te levar e voltar no próximo avião.

      A lei européia garante os direitos de pessoas casadas com europeus, desde que estejam acompanhados pela pessoa de cidadania européia. Viajando sozinho vc não tem os mesmo direitos.

      Seu visto de visitante provavelmente não vale mais, a não ser que contenha a palavra MULTI (de multi entrada). Mas provavelmente é só um carimbo marcando a validade. Nesse caso, quando vc aterrissar no Reino Unido, terá que passar pela imigração novamente e terá de receber outro visto de visitante. Irão perguntar pq vc está voltando, se vc não mora na espanha, se vc tem dinheiro, acomodação, passagemd de volta, bla bla bla. Caso tenha um detalhe errado eles podem te mandar de volta para a Espanha.

      Mas… vc está vindo só de visita ou quer trabalhar/morar? Se vc está de visita tudo bem, mas se estiver vindo para trabalhar ou morar, vc deve pedir um visto de Family Permit. Ou ficará ilegal em 6 meses e não terá como regularizar sem voltar para a Espanha…

      Roberto

  52. Daniele says:

    Roberto, estou no mesmo caso do nosso amigo ai de cima. Só que eu voltei p o Brasil, e agora tenho medo de voltar p Uk e dar algo errado. Eu iria dizer que vou ficar como 2 semanas e logo voltar p Espanha, meu marido está em Uk.
    O que acontece eh que fomos p UK para morar, entrei como turista e com minha carteira de comunitaria de Espanha (6meses) porque minha nacionalidade está para sair este ano em Espanha, só que demorou mais do que previmos, entao para nao ficao ilegal vim p o Brasil esperar um pouco aqui e visitar minha familia, mas ainda temo q nao saia no tempo previsto da minha passagem de volta p UK.

    Voce acha que tenho grandes riscos de ter algum problema?

    Agora estou pensando na possibilidade de pedir um visto de esposa aqui no Brasil, só que minha certidao de nascimento esta toda em espanhol…nesse caso eu teria que aprensentar ela traduzida no consulado em SP?

    Desculpe pelo texto enorme, é que ja estou preocupada.

    Obrigada

    • Roberto says:

      Olá Daniele,

      Como vc está no Brasil é muito simples. Você precisa solicitar o visto de esposa de membro da comunidade européia (Family Permit), alegando que quer juntar-se ao seu marido que já está no UK. Você pode pedir o Family Permit agora com a data valendo a partir do dia da viagem e não tem custo a solicitação. Se sua nacionalidade espanhola sair antes, vc vai como espanhola. Mas se não sair, vc terá a entrada garantida com o Family Permit. Se vc tentar entrar como visitante pode ter a entrada recusada.

      Acho que a certidão em espanhol não será problema, mas vc deve contactar o WorldBridge no Brasil para confirmar. Acredito que eles estarão mais interessados em você provar que seu marido espanhol tem emprego ou esteja procurando um e tenha chances de conseguir. O visto de Family Permit tem 2 condições: casamento e demonstração de que o europeu(ia) tem condições de trabalhar e nao pedir ajuda ao governo. Se seu marido tiver alguns documentos como holerite ou carta de trabalho, contrato, etc. será útil e provavelmente ele terá de enviar para você.

      Roberto

  53. Daniele says:

    Obrigada Roberto, meu marido é ingles…e..acho que vou dar entrada mesmo no visto de esposa.
    Um bom resto de semana p vc.
    bjos

    • Roberto says:

      Olá Daniele,

      Se o seu marido é inglês, então o processo é diferente. O Family Permit que eu citei é para casais em que um dos 2 é europeu (exceto Reino Unido). No seu caso é até mais simples. Vc precisa solicitar o visto de esposa de britânico, e o processo provavelmente será até mais simples do que o Family Permit. Mas de qualquer maneira vc precisa do visto. Caso não tenha o visto, podem complicar sua re-entrada no Reino Unido.

      Roberto

  54. Daniele says:

    Roberto.. Oi novamente..rs
    Esse visto vc nao saberia me dizer qual é né?..porque agora estou pesquisando e ta complicado..tem varios tipos de vistos, n sei qual nos encaixamos…o meu marido mandou um e-mail p esse site oficial dos vistos de UK e falaram de um visto que custa 1872 reais, eu pensava q era gratis.

    • Roberto says:

      Daniele,

      Eu te falei que o visto era gratis porque eu pensei que seu marido era espanhol! Desculpe pela falha, mas eu não sabia todos os detalhes e presumi que ele era espanhol. Se ele fosse espanhol o visto seria gratuito, pois é essa regra para family members de cidadãos europeus (EEA citizens).

      Como ele é inglês, vcs devem solicitar o visto de Spouse/Wife (http://www.ukvisas.gov.uk/en/howtoapply/infs/inf4husbandswivespartners) utilizando o formulario INF4.

      E infelizmente, para obter o email que seu marido recebeu está certo, pois o visto de Spouse/Wife existe uma taxa de 585 libras. (http://www.ukvisas.gov.uk/en/howtoapply/visafees/)

      É até estranho (e injusto) que um familiar de britânico tenha que pagar uma taxa tão alta, enquanto é gratuito para familiares de outros europeus. Mas acho que isso ocorre por uma determinação de leis européias e o Reino Unido foi obrigado a aceitar.

      A aplicação inicial para o visto é no site: http://www.visa4uk.fco.gov.uk/

      Roberto

    • luciana oyadomari says:

      Daniele,

      O visto que voce deve pedir e como o Roberto citou, o unico comentario que venho fazer e agilizar toda a papelada com o seu marido antes de enviar porque uma vez enviada eles chegam ate de negar como foi o meu caso e isso se passaram 3 meses e nada de resposta ou orientacao. voce paga um monte de coisas pra esse servico que eu considero super precario.

  55. Daniele says:

    Roberto,
    Obrigada. Nossa que injusto né?! mas o que vamos fazer.. :(
    Agora vou falar com meu marido. Obrigada novamente.
    Agora penso tbm em ir p lá e depois ir para Espanha já com a passagem na mao de Espanha, com uma carta tbm feita pelo marido para a imigracao. Acho q seria mais fácil né

    Um abraço
    Dani

    • Roberto says:

      Daniele,

      Pelo que entendi vc está pensando em ir passar apenas uns dias na Inglaterra e em seguida ir para a Espanha. Se for isso mesmo, leve também um comprovante de residência espanhol (se for possível), além da passagem comprada para a Espanha. Deve ser mais fácil, mas vai depender muito do humor do oficial de imigração que te atender.

      Peça para seu marido ir te esperar no aeroporto e comunique-se com ele pelo celular ao chegar na imigração. Caso tenha algum problema, ele pode tentar intervir e o oficial de imigração pode até tentar falar com ele para ver se vc está falando a verdade. Como ele é britânico, ele tem mais poder para reclamar e ser ouvido nessas situações…

      Roberto

  56. Roberto says:

    Oi Roberto,

    Obrigada pela atenção, estaremos estudando as duas opcoes.
    bjos

  57. eduardo says:

    olá roberto,ja fui para londres ano passado fiquei um mes como turista.agora em 2010 conheci uma inglesa pela internet nós conversamos todos os dias por horas,ela esta bastante interessada em mim e eu tambem,ela me visitará aqui no brasil no final de julho(ela e professora vira´assim q entrar de ferias) elá quer casar comigo. no caso vc poderia orienta-la (assistÊncia jurídica ou algo do gênero) ai em londres ?? em termos de documentação q ela terá q trazer para o brasil e tal… vc acha q com um mes ela ficando aqui agente casando na primeira semana ate no final das ferias dela consigo um visto para ir junto com ela morar lá..desde já obrigado

    parabés pelo site,bastante completo e claro

    • Roberto says:

      Olá Eduardo,

      Infelizmente não posso fazer muita coisa pois não trabalho orientação jurídica. Por enquanto eu escrevo aqui no Cha com Leite apenas por prazer. :D Talvez um dia eu mude, mas agora não dá.

      Acho que a informação que vc quer, o consulado brasileiro pode te ajudar http://www.consbraslondres.com e também o cartório no brasil.

      Roberto.

  58. Carmen says:

    Olá, Roberto!
    Parabéns pelo excelente site…! Encontrei-o pelo Google…!
    Bem, meu namorado é britânico e iremos nos casar no próximo ano… Como ele não pôde vir ao Brasil, eu o visitei no ano passado em minhas férias…
    Cheguei em Londres (Heathrow) em 30/12/2009 e retornei ao Brasil em 30/01/2010, mas apesar de ter ficado apenas 1 mês o Oficial de Imigração quem me atendeu carimbou o meu Pssaporte com 6 meses de visto…
    Sou Professora da Rede Pública de ensino e tenho férias em julho também, mas por causa da Copa do Mundo minhas férias foram enteceipadas para junho… Sendo assim, meus planos de viagem viraram um pesadelo, pois meu visto (que recebi quando cheguei em Londres) “valerá” até 30/06/2010, certo? (ou não?) Pretendo viajar em 24/06/2010 e retornar ao Brasil em 09/07/2010 para organizar os documentos e dar entrada no meu visto (fiance visa)… Será que posso viajar para lá de novo ou precisarei esperar para viajar após 30/06/2010? Pois teoricamente meu visto estará “valendo” até 30/06/2010, quando completará 6 meses… Não sei se estou dizendo asneiras, pois não entendo nada a respeito destes assuntos… lol
    Poderia me ajudar, por favor…? Desde já agradeço e, mais uma vez, parabéns pelo site!
    Best wishes,
    Carmen x

  59. Carmen says:

    Só mais uma informação, Roberto… No carimbo em meu Passaporte diz:

    “Leave to enter for/until
    SIX MONTHS (escrito à caneta pelo Oficial da Imigração)
    No work or recourse to public funds”

    E logo abaixo um outro carimbo do Aeroporto (Heathrow)… ok?

    Obrigada!

    Carmen x

    • Roberto says:

      Carmen,

      A não ser que esteja escrito “Multi-Entry”, esse visto vale até 30/06 ou até você sair do Reino Unido. Como você já saiu, não vale mais.

      Você pode voltar para o Reino Unido a qualquer momento novamente, mas terá que passar pela imigração de novo, explicar porque está retornando e obter um novo carimbo. Geralmente um retorno em prazo curto levanta supeitas dos oficiais de imigração com relação a imigração ilegal. Leve tudo o que for possível para comprovar que vc tem dinheiro, que voltará pro Brasil, que trabalha no Brasil, etc.

      O visto de noiva vc terá que dar a entrada na embaixada britânica no Brasil. Vc não poderá solicitar o visto de noiva estando no Reino Unido.

      Veja o site do HomeOffice: http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/partnersandfamilies/partners/fianceesproposedcivilpartners/

      “If you are currently in the UK with temporary permission to stay in a different immigration category (for example, as a student), you cannot switch into this category.”

      Roberto

      • Carmen says:

        Oi, Roberto!
        Obrigada pela resposta…!
        Sim, no meu Pssaporte consta apenas “Leave to enter for/until” e não há o “Multi-Entry” mencionado por você…!
        Sei do risco de o Oficial achar que ficarei ilegal no país, mas sou Funcionária Pública e estarei munida de Carta Timbrada em Inglês afirmando que estarei em férias no período de minha viagem… Levarei também carta-convite do meu namorado e cópia de sua Habilitação e Passaporte… Na carta, ele assumirá total responsabilidade por minha visita e estará me aguardando no Saguão do Aeroporto… (ele pode pedir para falar comigo durante o tempo em que o Oficial me “entrevistar”?)
        Levarei dinheiro em espécie (pounds) e Cartões Internacionais (de débito e de crédito)… Seguro de Vida (aquele do Acordo de Schegen) e mais a Apólice de um Seguro de Vida Pessoal que possuo…
        Bem, acha que minha documentação é “vulnerável”? lol
        Estas férias são a única forma que temos de “matar a saudade”, já que ele não pode vir ao Brasil no momento…
        Quanto ao visto, sei que terei de dar entrada no Brasil… Irei apenas reunir documentos com amigos e familiares… E, então, trazer os documentos para o Brasil e dar entrada no visto…
        Obrigada mais uma vez!
        Best wishes,
        Carmen x

        • Roberto says:

          Olá Carmen,

          Definitivamente sua documentação é excelente!

          Seu namorado não terá acesso ao local onde a imgiração verifica os passaportes, mas é importante que ele aguarde no saguão do aeroporto, de preferência com um celular para caso a imigração não contente-se com a documentação, eles poderão contacta-lo facilmente.

          Mas acho quase impossível dar algo errado considerando os documentos que você está levando.

          Boa sorte,

          Roberto

          • Carmen says:

            Oi, Roberto!
            Obrigada pelos esclarecimentos…!
            Eu passei o endereço do seu site para o meu namorado e ele deve postar algo por aqui, em agradecimento pela ajuda prestada…! lol
            Sim, Mike sempre está “grudado” ao seu celular! lol Principalmente quando sai de casa, então não teremos problemas…! lol
            Postarei algo por aqui assim que eu chegar em Londres…!
            E espero que a minha viagem anterior seja um “ponto favorável”, já que retornei ao Brasil no dia certo…! lol
            Bem, obrigada mais uma vez!
            Best wishes,
            Carmen xxx

  60. Carmen says:

    Desculpe-me, quis dizer “Acordo de Schengen”… lol xxx

  61. Regina Bufaino says:

    OLa, Roberto, Tudo bem?
    Meu nome é Regina sou cidada Italiana meu marido é Brasileiro, mas estamos morando no EUA, mas como as coisas nao estao muito boa aqui, estamos pensando em mudar para a Escocia, pos temos um amigo la e ele falou que adora!!!! Como que eu e meu marido podiamos fazer? Sera que podiamos aplicar para o consulado britanico no Brasil por aqui? Eu sei que eu entro direto, mas ele nao! Preciso pedir um visto pra ele, certo? Como isso funciona? Será que teria problema, pois ele mora ilegal aqui no EUA? Geralmente quando solicita-se visto para o marido, será que pode-se ser recusado? Nos falamos ingles , eu tenho profissao sou fisioterapeuta! Ele esta realizando um curso aqui! Será que por termos profissao e falar ingles e ter dinheiro guardado ajuda?
    Atenciosamente Regina

    • Roberto says:

      Olá Regina,

      O certo seria o seu marido aplicar para o visto Family Permit na embaixada britânica nos EUA, pois o visto deve ser solicitado no seu país atual de residencia. Em certo ponto do processo, ele teria que comparecer na embaixada pessoalmente, entregar os passaportes (seu e dele) e outros documentos pessoais.

      Acho que não seria possível a obtenção do visto na embaixada britanica nos EUA devido a situação atual dele.

      Realizar o processo no Brasil seria menos arriscado, mas ele teria que ir pessoalmente para o Brasil e aguardar os seus documentos voltarem pelos correios.

      Ele tem direito ao visto Family Permit, desde que você comprove que são realmente casados (não por conveniência) e que você irá procurar emprego e trabalhar, sem pedir nenhum tipo de benefício para o governo britânico. O fato de ele estar ilegal nos EUA poderá ser questionado e poderá ser levado em consideração. Mas eu não acho que afetará muito o processo, pois foi em um país fora da União Européia e não há nenhuma nada na lei de imigração britânica que impeça ilegais de outros países obterem o Family Permit, mas isso cabe ao governo britânico decidir.

      Confira mais em http://www.chacomleite.com/2009/direitos-no-reino-unido-para-familia-acompanhando-membros-da-uniao-europeia e http://www.chacomleite.com/2009/documentos-de-familiares-nao-europeus-acompanhando-um-membro-da-ue/

      Roberto

  62. OBRIGADO PELA SUAS INFORMASAO… OK VAMOS AO MEU CASO EU CASEI COM A DALILA AKI NO BRASIL E ELA JA TINHA DADO ENTRADA NA SUA CIDADANIA PORTUGUESA …DAI VAMOS P INGRATERRA ANTES MESMO DE SAIR A SIDADANIA DELA ..PEGAMOS O VISTO DE TURISTA NA ENTRADA DE 6 MES ,,,MAIS COM 3 MES Q ESTAVA LA FUI PEGO TRABALHANDO E ME REMOVERAO P O BRASIL…JA SE PASSARAO 2 ANOS E ELA JA TEM A SIDADANIA PORTUGUESA .E QNDO ME PEGOU TIROU MINHA DIGITAL FOTOS E COISA E TAL KKKK…BOM MINHA DUVIDA A DALILA VEM ME BUSCAR AKI NO BRASIL EM JUNHO POSSO TER PLOBREMA NA MINHA ENTRADA A LONDRES POR TER ME REMOVIDO MESMO CASADO COM UMA CIDADAN PORTUGUESA…OU DEVO PEGAR O VISTO AKI NO BRA MESMO INDO COM ELA ….ELA JA TEM TRABALHO E MORADIA EM LONDRES OBRIGADO POR TUDO….

  63. PAULO STANLEY says:

    OBRIGADO…P OBTER ESSE VISTO AKI EM BRASILIA E MUITO BUROGRATICO E PODE SER NEGADO JA Q ELES VAO SABER TUDO SOBRE MINHA PESSOA ATRAVEZ DA DIGITAL…OBRIGADO PELA INFORMACAO

    • Roberto says:

      Paulo,

      Se vc não obter o visto ANTES de viajar, vc ficará ilegal após seis meses. Esse visto não pode ser obtido dentro do Reino Unido.

      Em Brasilia pode ser sim obtido, mas o consulado britânico irá enviar seus documentos para o Rio de Janeiro e isso deve levar um tempo…

      Roberto

  64. Eliza says:

    Ola Roberto necessito uma ajuda, sou brasileira e tenho um filho de poucos meses espanhol (por nascimento ou seja sua nacionalidade é devido ter nascido em Espanha, pois seu pai tb é brasileiro) o bebe tem sua documentaçao toda certa passaporte e tb DNI (documento nacional de identificaçao) a minha documentaçao ainda esta em transiçao na extranjeria de Espanha tenho somente o resguardo, eu gostaria de saber se eu teria algum problema ou necessito de algum visto para ir visitar uma prima na Escocia, ja que o meu passaporte é brasileiro e do meu pequeno é espanhol. Em principio penso em estar ali uma semana e talvez um pouco mais, tempo posso permanecer de forma legal?

    Muito obrigado

    • Roberto says:

      Eliza,

      Você provavelmente precisará dos passaportes dele e seu, comprovantes de que não irá ficar ilegal, seguro saúde, carta da sua prima, etc, mas não precisará de nenhum visto especial. Não sei te informar se a Espanha exigirá alguma autorização para viajar com a criança, provavelmente sim.

      Roberto

  65. Rita Dorneles says:

    Olá Roberto,
    achei o seu site por acaso pelo google e acabei ganhando algumas dúvidas, que gostaria que você me esclarecesse se for possivel, claro!
    Sou Portuguesa (nacionalidade originária, sanguínea), sou casada com brasileiro com nacionalidade portuguesa (porque somos casados há 19 anos) tenho 3 filhos portugueses mas nascidos no Brasil… ou seja, todos nós temos documentos de cidadãos europeus portugueses mas todos nascemos no Rio de Janeiro, rs!Moramos atualmente el Lisboa (há 5 anos). Estamos de mudança para Londres, pois meu marido está inbteressado em trabalhar por lá, ele é System Engineer Microsoft e há muitas oportunidades e algumas inclusive que ele já foi até chamado para entrevistas. Dito isto ponha já as minhas dúvidas: É preciso solicitar algum tipo de visto pra nos mudarmos para lá, mesmo sendo cidadãos europeus? Terei dificuldades em matricular meus filhos em escolas e obter inscrição na saúde??
    Muito obrigada, antecipadamente.
    Rita

    • Roberto says:

      Rita,

      Tendo os passaportes portugueses/ ou simplesmente os BI’s, você não terá dificuldade legal alguma. Seja para entrar no país, increver-se no posto de saúde ou matricular seus filhos na escola. Pode ficar tranquila. Também tenho passaporte português e nunca tive problema algum.

      Roberto

  66. CARLOS SANTOS says:

    OLA TENHO UMA GRANDE DUVIDA …MINHA ESPOSA MORA E TRABALHA EM LONDRES EM JULHO ELA VEM NO BRASIL BUSCAR EU E NOSSA FILHA P PASSAR UMS DIAS POR LA ,,, ELA VAI COMPRAR AS 3 PASSAGEM EM LONDRES PODEMOS TER PLOBREMA COM A IMIGRASAO ,,,, MINHA ESPOSA E PORTUGUESA E EU O MARIDA JA FUI REMOVIDO UMA FEZ DE LONDRES EM 2008 JA FEZ 2 ANOS …..OBRIGADO

    • Roberto says:

      Carlos,

      Sim. Se vc está voltando para morar em Londres então você deve requisitar o Family Permit na embaixada britânica no Brasil antes de vir. Caso seja só uma visita, leve o máximo de comprovantes possíveis provando que você tem vínculo no Brasil e retornará em breve.

      Roberto

  67. CALOS SANTOS says:

    VC PODERIA ME ESPLICAR QUAIS SAO A DIFERENCA ENTRE REMOSAO E DEPORTASAO E COMO SABEMOS Q FAMOS DEPORTADO :: ELES FAZ ALGO NO PASSAPORTE QNDO DEPORTA OU REMOVE OBRIGADO

    • Roberto says:

      Carlos,

      Na prática as palavras remoção e deportação são interligadas. O que mais faz diferença, é se você foi retirado a força do país, se não conseguiu nem entrar ou se você saiu por vontade própria. Essa informação pode diferenciar principalmente no tempo que você deverá permanecer sem tentar entrar novamente no Reino Unido.

      O passaporte pode ser carimbado, mas isso não tem importancia pois você pode reemitir outro passaporte. Na verdade o governo britânico mantem uma base de dados com informações sobre todos que foram deportados ou tiveram sua entrada negada no país.

      Roberto

  68. juliane pinheiro says:

    ola roberto,eu vou me casar com meu namorado que e um cidadao britanico ,daqui aproximadamente uns dois meses aqui no brasil,sera que ja posso ir dando andamento no pedido de visto para rezidir em londres??eu conheci ele em londres,faz 1 ano e meio,quando fui passear la e entrei cm turista e la fiquei ilegal por um bom tempo,trabalhei e fui pega no trabalho,mas nao pela imigracao por outros policiais,me levaram a delegacia,tive assistencia de advogado e de uma interprete,e tiraram minhas digitais e fotos,mas ao fim deu td certo fui liberada,meu visto fazia 4 dias que tinha vencido e era de turista ,ok continuei por la ,por mais um bom tempo,depois tive que vir para o brasil, resolver coisas pessoais e urgente,ao sair tiraram fotos de mim e me deram um papel da imigracao,e estou no brasil a seis meses e quero viver com meu namorado que sera meu esposo oficialmente,daqui uns dias, sera que vou ter problemas ao tentar tirar o visto ????o visto pode ser negado?????eu tenho dois filho do meu casamento anterior,ela tem 6 anos e ele tem 14 gostaria de levalos junto comigo,sera que poderia entrar com o pedido de visto deles juntamente com o meu,depois do meu casamento?????ou tenho que ir primeiro para londres e depois entrar com o pedido de visto para eles?????e se for depois que eu estiver morrando em londres,quanto tempo mais ou menos que poderei estar com os meus filhos junto a mim ,pelos os andamentos das leis britanicas??? tenho duvidas se entro com o pedido do visto para nos tres ,tenho medo de ser negado e dai ter mais complicacoes depois para conseguir o meu visto de imediato.por favor me responda essas duvidas pq me deixam muito preocupada,nao estou sabendo o que fazer,e amo meu namorado e quero estar com ele o mais rapido possivel e tbm tenho medo de nao conseguir levar meus filhos junto comigo ,pq ja fiquei muito tempo longe deles e nao gostaria de ter que deixalos de novo.muito obrigada e desculpa por fazer tantas perguntas. Atenciosamente :JULIANE PINHEIRO

    • Roberto says:

      Juliane,

      O seu visto de esposa deve ser pedido após o casamento. Seus filhos devem ser incluídos no mesmo pedido que o seu. Não sei te informar com certeza se o processo pode ser dividido. Se o visto for negado, caberá apelação, mas é dificil que seja negado pois o casamento é um direito do seu namorado (pelo fato de ele ser britânico). As maiores preocupações do governo biritânico será se você não está casando somente por conveniência e se você pode sustentar seus filhos sem a ajuda do governo.

      Tem mais informações em: http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/partnersandfamilies/partners/husbandswivescivilpartners/

      Roberto

  69. Carol says:

    Ola

    Eu fui para Londres em fevereiro e fiquei la uma semana durante o carnaval. Meu visto de turista ainda esta valido. Agora estou voltando a semana que vem para visitar minha irma e ficar 40 dias fazendo um curso de ferias. Vou ter problemas para entrar? Quais documentos devo levar? meu passaporte nao foi carimbado na minha saida. Acho que devo levar o ticket de embarque do meu retorno para comprovar que fiquei apenas 1 semana?
    Agradeco a atencao.

    • Roberto says:

      Carol,

      Leve o máximo de documentos possíveis, inclusive o ticket do retorno da sua viagem no carnaval. Leve comprovantes do seu curso, acomodação, comprovação de que vc pode se sustentar durante o período e seguro saúde.

      Roberto

  70. Carmen says:

    Olá, Roberto!
    Postei uma dúvida aqui anteriormente, mas estou com outra um “tanto” complicada… Já, é claro, conversei com o meu Advogado, mas gostaria de sua opinião, se possível… Meu Advogado sabe “pouco” (leia-se “nada”) a respeito de vistos consulares…
    Bem, fui envolvida recentemente em uma “situação” em que houve uma discussão familiar e tal discussão resultou numa denúncia junto a DEAM próxima… Fui convidada a prestar esclarecimentos a respeito de minhas palavras que foram caracterizadas como “ameaça”…
    Sou uma pessoa muito invejada por minha minha família, pois viajei recentemente para Inglaterra, onde parentes de meu namorado residem…
    Minha dúvida: Eu e meu namorado iniciaremos, como já lhe disse nas mensagens anteriores, um processo de solicitação de visto (Fiancé Visa) junto a Embaixada daquele país, pois pretendemos nos casar no próximo ano… Este “problema” familiar poderá me prejudicar de alguma forma? Por exemplo, ter o meu visto negado porque estou respondendo a um processo no Brasil por “ameaça”… A vitória é quase certa, segundo meu Advogado, pois fui ofendida em público antes que a “ameaça” acontecesse, mas nada é certo até que a Lei decida… O processo é baseado na Lei 9.099/95…
    Best wishes,
    Carmen xxx

    • Roberto says:

      Carmen,

      Esse processo não irá afetar em nada no seu pedido de visto. Problemas da justiça brasileira são da justiça brasileira e o Reino Unido não quer nem saber. Vc poderia ter problemas se tivesse sido condenada a algo muito grave (como homicidio por exemplo) e estivesse sendo procurada pela polícia. Mas não seria nem o consulado britânico que veria isso, e sim a polícia federal na sua saída do Brasil.

      Roberto

  71. Ingo Boll says:

    Olá Roberto,td bem?primeiramente gostaria de parabenizá-lo por essa ajuda que você está dando a tantas pessoas,eu acabei de chegar da Nova Zelândia onde estive por dois anos e sei o quanto uma resposta ou uma ajuda faz a diferença na vida dessas pessoas.
    Bom,agora venho eu com uma dúvida…Já morei na Europa mas nunca estive na Inglaterra e mês que vem estou lá…ou assim espero.Estou aplicando um visto como minha intenção de ir pra Londres é de casar com minha namorada que é de lá..Nós estamos namorando a 9 meses mas a 6 que não nos vemos…mas temos todos os comprovantes que realmente somos namorados…e esse é o problema..eu tenho MTAAAAAAA coisa e meu processo está ridiculamente grande…mtos papéis e documentos.Você acha que excesso de informação pode atrapalhar?será que é melhor mandar somente um pouco de cada coisa (ex:algumas cartas,alguns e-mails e fotos)ou tudo que realmente temos juntos?Hj é quarta e em uma semana devo comparecer em SP para a entrega desse ”dossiê”…estou muito atarefado tentando organizá-lo…Espero que dê tudo certo pois já tenho a passagem ( que é obrigatório ter antes de aplicar) e já paguei9 R$1803,00 por esse visto heheheh…Espero que tudo dê certo.
    Abraços e mto obrigado

  72. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Obrigada mais uma vez…!
    Bem, eu li o “MARRIAGE VISITOR (VAF1F)” e estou um tanto “encucada” com duas perguntas, mesmo depois do que você respondeu…

    6.9 Do you have any criminal convictions in any country?
    6.10 Have you ever been charged in any country with a
    criminal offence for which you have not yet been tried in court
    (including traffic offences)?

    DÚVIDA: Se como você diz, eles não querem nem saber, então porque perguntam a respeito disso…? Estou com muito medo de ter meu visto negado por causa deste “problema” que tive… Eu nunca tive problemas com a “Lei”, e estou me sentindo muito humilhada…

    Best wishes,

    Carmen

  73. Juliana says:

    Oi Roberto, primeiramente obrigada pela ajuda! Adorei o site.

    Eu sou brasileira, e vou me casar em Setembro no Brasil. O meu noivo nasceu em Londres, mas mora na Irlanda e conseguiu a cidadania Irlandesa atraves da mae que `e Irlandesa. Estamos pensando em morar no ano que vem em Londres.
    Minha duvida è para conseguir o Family visto em UK, seria mais facil se ele tirar o passaporte britanico. Ou pode ser o passaporte Irlandes.?

    Tem alguma diferenca?

    Muito Obrigada,
    Juliana

    • Roberto says:

      Juliana,

      Ele é da Irlanda do Norte ou do Sul? Irlanda do Norte é parte do Reino Unido e o passaporte é o mesmo que Inglaterra e Escócia, sendo o Family Permit o mesmo também.

      No caso da Irlanda do Sul, é outro país… que não faz parte do Reino Unido.

      Desculpe a demora na resposta,

      Roberto

  74. ana banbury says:

    oi gostaria se possiver don conselho seu porfavor. eu suo casada com um ingles e tenho residencia na englaterra mas eles mim negaram o visto de meus tres filhor menores que esta no Brasil alegando que eu nao tenho reponsabilidade total soble eles sendo que eu tenho a guarda des do meu divocio e tambem alegaram que demorei muito para pensar em traze-los mas ele tambem sabem que 2 anos e o minimo para vc tentar prenche todas as exigencia deles que sao muitas com relacao ao que eles exigem.tentei prencle-la e ai eles mim vem com esta de que avo tem tambem responsabilidade soble meus filho sendo que ela ficou com eles so ate nos organisamos tudo para traser eles.agora meu medo e com relacao a desicao da corte porque porque eles estao sempre adiando a odiencia ja e a segunda vez que eles adiam o que devo fazer vc pode mim ajudar eles poderam mim negar sendo que a avo ja fez um documento dizendo que nao podera ficar com meus filho?

    • Roberto says:

      Ana,

      Infelizmente não tenho como te dar nenhum conselho sobre isso porque já entra da área de direito e não sou advogado. Só espero que você esteja com a ajuda de um bom advogado e te desejo sorte.

      Desculpe a demora na resposta,

      Roberto

  75. deyse says:

    Ola roberto tudo bem? preciso de uma ajuda! moro em lisboa , eu e meu marido queremos ir para reino unido ,ainda não sei o pais,mas a minha duvida ,tenho dupla nacinalidade italiana/brasileira,meu marido é brasileiro ,para pedir permição para trabalhar é preciso pedir aqui em portugal ,ou pedir ai no reino unido não sei completamente nada pode me ajudar,muito agradecida desde já,

    • Roberto says:

      Olá Deyse,

      É muito mais fácil se o seu marido solicitar um visto de Family Permit e vir para o Reino Unido. Tem bastante informações aqui no site sobre esse visto.

      O visto de trabalho é bem mais difícil e custoso do que o Family Permit.

      Desculpe a demora na resposta,

      Roberto

  76. Gabriel says:

    Roberto,
    primeiramente quero elogiar pelo ótimo trabalho no site, está muito bom, pois bem, eu estou cursando o 4° período na faculdade de Sistemas de Informação, sonho em um dia poder trabalhar na inglaterra, o que eles mais valorizam na área de tecnologia da informação? Programador, DBA ou analista de sistemas? como foi que você fez?
    Preciso muito de um conselho seu.

    Agradeço desde já!

    • Roberto says:

      Gabriel,

      Posso dizer que praticamente todas as áreas são valorizadas de forma parecida. O Reino Unido (assim como muitos países da Europa) tenta manter a igualdade social. Sendo assim, são poucas as discrepâncias salariais. Na minha empresa por exemplo, trabalham programadores web, analistas de infraestrutura, dba’s, etc e todos tem remuneração semelhante de acordo com a experiência.

      Se preocupe mais com o visto. Sem um visto de residência ninguém te contrata e é cada vez mais difícil de conseguir visto de trabalho. Na área de IT é quase impossível.

      No meu caso, eu tenho dupla nacionalidade portuguesa.

      Roberto

  77. Eduardo Vieira says:

    Olá Roberto!

    Gostaria de uma orientação na obtenção de vistos para morar em Londres, o caso é o seguinte:

    Sou Brasileiro e possuo a cidadania portuguesa, no próximo ano pretendo morar em Londres, porém namoro uma brasileira e gostaria de levá-la. A minha dúvida consiste em saber qual o tipo de visto mais apropriado para minha namorada e se existe a necessidade de casarmos no Brasil ou a declaração de União estável é suficiente? Mantemos um relacionamento há 05 anos e possuímos conta conjunta em banco como comprovante do nosso vínculo.

    Grato pela terna atenção

    Eduardo

    • Roberto says:

      Eduardo,

      Ela terá de obter o visto de Family Permit. A conta conjunta conta muito. Mas não tenho certeza se aprovariam não tendo a oficialização civil da união. O Home Office deixa claro no site de intruções sobre o visto que as pessoas que são “spouse (husband or wife) or civil partner;” de cidadãos europeus têm o direito ao visto.

      O Home Office não cita casos de união estável para esse tipo de visto. Ou seja, corre o risco de ser recusado.

      Roberto

      • Eduardo Vieira says:

        Olá Roberto!

        Fiquei ainda com uma dúvida … eu entrando em Londres com o pasaporte portugues e a minha namorada com um visto de Turista, chegando em Londres nos casamos, ela terá o direito de permanecer comigo ou é necessário o casamento no Brasil?

        Obrigado

  78. Fernanda says:

    Olá Roberto,
    Eu ja estive aqui perguntando algumas coisas à você e sempre tive uma ótima orientação.
    Eu estou preocupada com o seguinte: Eu vou casar na Escócia em Janeiro de 2011; Eu sei que não posso aplicar pro visto de noiva estando no Reino Unido.
    No entanto eu fiz a solicitação do visto de noiva pela internt daqui de Glasgow e delcarei que estava no Reino Unido visitando o país (o que é verdade, claro) ; Durante a solicitação de visto pela internet eu agendei uma data pra entrega dos meus documentos no consulado em São Paulo em Setembro (ou seja, eu estarei no Brasil).
    Atualmente eu tenho um “student visitor stamp” que vai expirar no fim de Setembro de 2010 e eu vou deixar o país antes de meu visto vencer.
    Voce acha que o fato de eu ter preenchido a solicitação de visto online pode me trazer algum problema? (mesmo eu tendo agendado uma data em SP pra entrega dos documentos pessoalmente?)

    Obrigada desde já.
    Fernanda

    • Roberto says:

      Fernanda,

      Vc fez a solicitação corretamente. O fato de você entregar os documentos em SP faz com que na prática sua solicitação oficial seja feita fora do Reino Unido. (O que é um requisito para o visto de noivado).

      Não deve ter problemas com relação a isso. Apenas esteja pronta para recorrer (e ficar mais alguns dias em SP) em caso de faltar algum documento.

      Roberto

  79. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Digitei uma mensagem explicando tudo o que me aconteceu, mas esqueci de digitar o código e cliquei em enviar… Quando cliquei em retornar perdi tudo o que digitei… rsrs
    Bem, serei direta…
    Viajarei em dezembro, em minhas férias, para trazer os documentos para dar entrada no meu visto de noiva e, é claro, visitar o meu namorado e sua família…
    Dúvidas…
    – 6 semanas está me parecendo um tempo meio “suspeito”, o que acha? lol (mas tenho como comprovar que estarei de férias neste período, já que sou professora)
    – Retornei ao Brasil em 30/01/2010 e meu Passaporte não foi carimbado atestando o meu retorno ao meu país… Será que se eu ficar com meu namorado por 6 semanas, já que o meu passaporte não foi carimbado, seria um “problema” para a Imigração?
    – Dizem que voos para Londres com escala em Madrid também passa pela Imigração, é verdade?
    – 6 semanas em Bristol… 5.000 reais no banco, 2 cartões de crédito internacionais, 1 cartão de débito internacional, 300 pounds em mãos, seguro de vida, carta em inglês timbrada da prefeitura do RJ (confirmando que estou em férias) e carta convite do meu namorado assumindo total responsabiildade por minha visita, acha suficiente para 6 semanas???
    Obrigada, best wishes xxx

    • Roberto says:

      Carmen,

      Lamento o problema que você deve ao digitar a mensagem. Pode acreditar que situações semelhantes já aconteceram comigo várias vezes respondendo os comentários. Infelizmente tenho que deixar o código por causa dos spammers. Sem o código, o site é destruído por spam. A internet não é mais sossegada como antigamente.

      1.) Ao entrar no Reino Unido, será dado um novo visto de visitante para você. O visto será de 6 meses. Sendo assim dificilmente o oficial de imigração achará que 6 semanas é muito.
      2.) Os voos com escala em Madrid passam sim por imigração na Espanha. É um “pé no saco”, pois você terá que explicar tudo para o oficial de imigração na Espanha…
      3.) Sua documentação parece perfeita, supondo que você ficará hospedada na casa do seu namorado. Apenas certifique-se de ter o seu celular carregado, e seu namorado por perto te esperando no aeroporto com o celular dele em mãos. Apenas para garantir. Não devem implicar com você por conta de todos os documentos que você tem. Mas caso impliquem, você ainda poderá pedir para eles falarem com seu namorado e certificarem-se de que ele “existe”.

      Roberto

  80. Douglas says:

    Olá Roberto…!

    Gostaria que pudesse me ajudar se possível; moro em UK a alguns anos, quando aqui cheguei peguei o visto para turismos, desde que o mesmo venceu estou em cituação inrregular; trabalho ( ou presto seviço) a uma empresa já a alguns anos e meu patrão se propós ajudar-me regularizar minha situação, dando-me o contrato e o que for nescessário para eu conseguir a permição para trabalhar aqui e na empresa dele.
    Pois bem, vc poderia me ajudar, o que devo fazer? Quais os passos que devo tomar? Quais e aonde conseguir as aplicações? Será que é possível conseguir o visto estando aqui em UK, sem ter que voltar ao Brasil?
    Se for possível me ajudar, esclarecer e direcionar-me, serei muito grato…
    Tudo de bom…

    Douglas Lopes

    • Roberto says:

      Douglas,

      Infelizmente o visto de trabalho só pode ser solicitado estando o solicitante fora do Reino Unido. E dificilmente será aprovado, caso você não trabalhe em determinadas profissões. Aqui no site tem uns artigos sobre solicitação de vistos de trabalho e tem bastante informação no site do HomeOffice.

      O único visto que tenho conhecimento que pode ser obtido “dentro do Reino Unido”, é o visto de casamento ou união civil…

      Roberto

  81. Carmen says:

    Só mais uma perguntinha, Roberto!
    Estou bastante preocupada com o tempo que pretendo ficar na Inglaterra (6 semanas), então dei uma pesquisada na NET a respeito do valor “desejável” possuir na conta para o Oficial não “implicar”… Vi valores diversos, 70 euros por dia, 75 dólares por dia, 50 libras por dia… Enfim, quanto, realmente, é desejável possuir em dinheiro para entrar como turista na Inglaterra?? No site do UKBorder, eles falam em 600 libras ao mês para quem não pretende ficar em Londres e 800 libras ao mês para quem ficará em Londres… Mas parece ser direcionado a quem pede visto ANTES de sair do Brasil… Por favor, ajude-me!!! xxx

    • Roberto says:

      Carmen,

      No seu caso de visitante, os valores são os mesmo que estudantes. O valor correto é de 600 libras por mês para quem está fora de Londres (como você em Bristol), contanto que a acomodação já esteja paga. Você não precisa ter tudo na bolsa (é até perigoso). Mas deve levar extratos bancários atuais (de preferência monstrando alguns meses anteriores também) e comprovantes do limite dos seus cartões de crédito.

      Não existe um valor fixo que você deve ter no bolso. Por isso você vê valores tão diferentes na internet. Considere o bom senso. Se você tiver que pegar um trem de Heathrow pra Bristol quanto será? Provavelmente umas 100 libras (estou chutando), mais algumas refeições, onibus, taxi, etc. Sendo assim, caso seu namorado não vá te buscar ou alguma coisa dê errado, você terá dinheiro para “se virar”! O oficial de imigração não espera que você carregue algumas barras de ouro no bolso, mas que você carregue alguma quantia que não vá te deixar na rua com fome pedindo esmola por falta de dinheiro para chegar em casa ou dormindo ao relento e dependendo de serviços do governo.

      Eu na minha opinião pessoal, considero entre 200 a 300 libras o valor ideal para qualquer pessoa levar no bolso em qualquer viagem de longa distância.

      Veja o link oficial do HomeOffice sobre o assunto.

      Espero ter ajudado! :D

      Roberto

  82. Rafael says:

    Ola Roberto, queria tirar uma duvida!

    eu morava em londres ilegal fikei 2 anos ilegal!!
    quando interei o primeiro ano comecei a namorar uma brasileira com dupla cidadania(ITALIANA) dai quando fez um ano de namoro foi quando fikei 2 anos ilegal…entao eu trabalhava com entrega de comida com moto fui pego pela policia e fikei 12 hr preso, por namorar e morar uma menor europeia eles me soltaram mais com o acordo de ir para o brasil e me legalizar com ela!! td isso foi gravado pela imigracao durante a entrevista com eles na policia.. depois do ocorrido eu vim para o brazil no prazo de uma semana eu e minha namorada!! hj somos casados e estamos com intencao de morar em lonrdes novamente..

    o que nescecito?? vou ter surpresas na imigracao??

    desde jah obrigado!!!!

    • Roberto says:

      Rafael,

      Você precisa do visto de Family Permit. O visto é gratuito e deve ser solicitado antes de viajar. Pela lei européia, você tem direito a esse visto por ser casado com uma européia, mas também pode haver recusa por conta do seu histórico ilegal.

      Só tentando pra saber se eles vão aceitar. Caso recusem você tem direito de apelar.

      Se não tiver mais nada complicando o seu histórico eu acho que deve ser aprovado. Mas obviamente não posso garantir nada. :D

      Aqui no site tem bastante informação sobre esse visto.

      Roberto

  83. Silvia says:

    Ola Roberto eu envie uma pergunta a vc 2 semanas atraz mas acho q vc nao recebeu entao vou repetir aqui a pergunta.Moro na Nova Zelandia e estou aqui na Inglaterra visitando pela segunda vez minha namorada estrei com visto de turista, estou pensando em ficar,mas nao sei como estender meu visto.Lemos no site da imigracao q nao posso estender por mais 6 meses,entao a melhor forma q encontramos foi entrar com um visto de partner,no caso casar-mos e eu ficar como partner,mas tbm li q pra isso tenho q sair do pais e aplicar o visto de partner, e verdade? ou eu posso ta aplicando daqui mesmo de uma vez q ja estou no pais?ou se eu tiver q sair pra ta aplicando tenho q ir pro brasil ou posso ta aplicando da nova zelandia?No caso se eu tiver q sair ela vai vir comigo dai casaremos na NZ.Entao nao sei oq fazer sera q essas informacoes todas sao verdade ou posso arriscar e aplicar ja estando aqui?Agradeco desde ja sua ajuda.

    • Roberto says:

      Silvia,

      O visto de Partner pode ser solicitado estando no UK.

      Antes eu havia lhe respondido: “Suponho que você veio como visitante, não existe extensão para visto de visitante.

      O que você tem a fazer é realizar a união civil e solicitar ao HomeOffice o visto de Partner.

      Clique aqui para ver no site do HomeOffice o que precisa.

      Se vc voltar para a NZ e aplicar de lá também funciona… mas tem o custo com viagem, hospedagem, etc…

      Roberto

  84. Carmen says:

    Roberto!
    O que eu posso lhe dizer???!!! Com todo respeito, mas você é simplesmente MARAVILHOSO!!!
    Sabe o que eu mais gosto em você?? É que, ao responder, você não usa “meio termo”, diz o que pensa e “ponto final”! I do love it!!
    Olha, de verdade, muito obrigada! Você ajuda muito com a sua “certeza” e com a sua tranquilidade!!
    Como pode ainda escrever “espero ter ajudado”?!! É claro que siiiim, você SEMPRE ajuda!!
    Bem….
    1.) Que bom! lol
    2.) hmmmm, será que os espanhóis “pegam pesado”? Meu espanhol não é muito bom! lol Vou ter de contar a mesma história duas vezes? E o pior, o meu namorado não estará no saguão do aeroporto de Madrid me esperando… Se der algo errado não saberei o que fazer… O que faço se eles me “barrarem”?
    3.) Obrigada, eu sou muito organizada com documentos lol Só um problema, eu não levo celular quando viajo, acha que eu deveria levar um???

    Quanto aos extratos do meu cartão servem aqueles que recebemos pelo Correio? Ou tenho que pedir um “especialmente” (em inglês) para este fim?? Mike é sempre muito confiante, mas eu “encuco” à toa lol
    Quanto ao incidente com a mensagem que digitei, não há problema! Só lamentei, pois eu tinha digitado a respeito do Processo (que deu em nada!) e perdi tudo por falta de atenção! lol (haha, quase aconteceu de novo, pois digitei o código errado! Mas após o que aconteceu, eu fiquei “esperta” e copiei antes de clicar em enviar! lol
    Obrigada de novo!
    Best wishes,
    Carmen xxx

    • Roberto says:

      Carmen,

      Fiquei até sem jeito com tanto elogio! :D

      Escrevi “espero ter ajudado” porque geralmente as pessoas não retornam aqui para dizer se a informação foi útil, se correu tudo bem, que dificuldades tiveram, o que foi fácil, etc.

      É difícil generalizar quando falamos dos agentes de imigração na Espanha ou no Reino Unido, pois muitas vezes depende do “humor” deles em implicar ou não. Mas você não precisa se preocupar pois você estará fazendo somente conexão em Madrid e terá documentos (como a carta do seu namorado) que provam vínculo seu com o Reino Unido. A visão que “eu” tenho dos espanhóis é que eles são intromeditos e ficam questionando coisas mesmo sabendo que vão te liberar. Mas como eu disse, é difícil generalizar. Com relação à língua, não esquenta. Empurra o português… se o cara não entender pergunta se ele inglês. Até o fato de você falar inglês colabora com a afirmação de que você está somente de passagem na Espanha.

      Eu citei o celular somente porque já aconteceu diversas vezes comigo casos em que o celular foi essencial. Já cheguei em aeroporto (no Brasil mesmo mas em cidades desconhecidas) e minha carona não foi me buscar e eu não sabia onde me hospedar… em outra ocasião eu precisava de um taxi e não encontrava o taxista no estacionamento de Heathrow… etc… enfim é mais pra facilitar a comunicação caso algo dê errado. Nem que seja pra deixar o aparelho desligado a viagem inteira.

      Os extratos do Correio servem sim. A displicência dos bancos brasileiros com seus clientes não possibilita a obtenção de comprovantes melhores. Use extratos com o timbre do banco em português mesmo. Se o oficial de imigração pedir para olhar, ele com certeza irá se interessar somente pelo valor numérico.

      E por favor né, volte aqui e escreva um comentário ou melhor, um artigo sobre como foi tudo!

      Cheers,

      Roberto

  85. PAUL LONDON says:

    OLA ROBERO GOSTARIA DE SABER DEPOIS DE QNTO TEMPO CASADO COM UMA PORTUGUESA TENHO DIREITO A PASSAPORTE PORTUGUES ABRACO OBRIGADO PELA INFORMACAO….

    • Roberto says:

      Olá Paulo,

      Vc tem que estar casado há 3 anos. Mas não é só isso. Vc tb tem que estar morando em Portugal há 3 anos e provar que “tem identificação com a cultura portuguesa”.

      Roberto

  86. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Desculpe-me por deixá-lo “sem jeito” com minhas palavras…! lol Só quis ser sincera e, mais uma vez, obrigada…! lol
    Bem, estou sempre “por aqui” no Chá com Leite e, com certeza, postarei minhas experiências posteriormente…! Estou tentando fazer parte da Comunidade do site, pelo Google, mas para participar é preciso se cadastrar… Ao fazê-lo, pediram o número do meu celular para envio de um código… É este mesmo o procedimento?
    Gostaria de trocar este “bonequinho com a camisa do Brasil” por uma foto minha! ha ha ha, como faço??? lol
    Best wishes,
    Carmen xxx

    • Roberto says:

      Oi Carmen,

      Fico feliz que você sempre estará “por aqui”! :D

      Sinceramente não sei te dizer se o Google pede o número do celular para se cadastrar. Me cadastrei a muuuuuito tempo… Só sei que para fazer parte da comunidade pelo Google é preciso ter conta no Google, Twitter ou Yahoo.

      Para trocar a foto, você tem que fazer upload da imagem no site http://www.gravatar.com. É só fazer o signup lá. Sempre quando você comentar em qualquer site/blog que use o sistema do Gravatar, sua foto aparecerá automaticamente em todos os comentários.

      Roberto

  87. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Sei lá o que eu fiz, mas o “bonequinho com a camisa do Brasil” ainda está lá lol Já fiz o upload da imagem, mas ainda não vejo a minha foto lol Acho que a minha imagem foi “rejeitada” pelo sistema ha ha ha!!!
    Eu tenho e-mail no Yahoo e no MSN, é isso que é considerado “conta no Google”?? lol
    Estarei sempre por aqui…!!! Até porque eu adooooooro “chá com leite”!!! ha ha ha (de verdade!!!)
    Carmen

  88. Carmen says:

    ha ha ha, “funcionou”!!!!! Então não fui “rejeitada” pelo sistema!!! lol
    Nice to meet u, Roberto! I am Carmen! lol xxx

    • Roberto says:

      Carmen,

      A conta do Google inclui email no Gmail e mais algumas ferramentas como por exemplo tradutor, google talk, Google Maps, histórico de internet, leitor rss, applicativos parecidos com office, etc. A forma mais fácil, talvez seja você criar um email no Gmail ou ir no site do Google e clicar no botão “Fazer login” que fica na parte superior direita do site.

      Ainda bem que você adora chá com leite… Provavelmente você terá que tomar uma caneca por hora quando estiver casada. O povo aqui é addicted!

      Roberto

  89. Silvia says:

    Ola Roberto sou eu de novo,gostaria de esclarece denovo,estou totalmente perdida aqui.Vc me disse q pra mim aplicar o visto de partner tenho q me casar primeiro certo?e apartir dai aplicar o visto de partner certo?O negocio e o seguinte,estive ligando pra UK border agency e eu perguntei como poderia ta aplicando o visto de partner estando aqui (Uk) eles me disseram q nao posso fazer isso pq eu entrei como visitante e se eu quiser entrar com o visto de partner eu tenho q voltar pra Nz ou Brasil e aplicar dela?Nao to entendendo nada.Vc por favor pode ta explicando isso melhor pra mim por FAVOR?

    • Roberto says:

      Silvia,

      Como eu já lhe havia pedido, antes de tudo leia com muita atenção o site do homeoffice neste link: http://www.ukba.homeoffice.gov.uk/partnersandfamilies/partners/husbandswivescivilpartners/

      Você verá que existem 2 opções: “Aplicar para o visto de partner de fora do Reino Unido” e “Aplicar para o visto de partner de dentro do Reino Unido”.

      Cada opção tem restrições e requisitos diferentes. Eu não sei exatamente o que você perguntou ao HomeOffice e não sei exatamente o que eles responderam.

      Conheço diversas pessoas que passaram pelo mesmo processo que você há algum tempo atrás e consiguiram o visto de partner, estando com o visto de visitante. Mas essas regras mudam o tempo todo. Um detalhe muda totalmente a situação. Por exemplo, agora, se o seu visto de visitante é de 6 meses (como a maioria dos vistos) você não pode mais aplicar para o visto de partner de dentro do Reino Unido, pois um dos requisitos para o visto de partner é que o seu visto atual seja maior que 6 meses.

      Se o seu visto de visitante for por mais de 6 meses, então você pode sim aplicar de dentro do Reino Unido.

      Desculpe se não fiz esse “detalhe” claro antes. É difícil pois o Home Office está mudando as regras com muita frequencia e sou uma pessoa só para atualizar tudo aqui. Por isso você tem que se basear sempre no site do HomeOffice e por isso eu sempre incluo o link para lá.

      Lembre-se também de que na primeira vez que eu te respondi há alguns meses atrás, eu lhe falei para casar na NZ e obter o visto de partner ou vir com o visto de noiva. http://www.chacomleite.com/2009/direitos-no-reino-unido-para-familia-acompanhando-membros-da-uniao-europeia/comment-page-1/#comment-154 Não entendo por que você veio como visitante….

      Roberto

  90. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Não sabia de todos estes “detalhes” a respeito da conta do Google lol
    Olha, eu tomei muuuuuito chá com leite enquanto estava aí! Os irmãos do Mike adoram (Mike não gosta muito) e eu nunca tinha experimentado antes! Adorei! Cheguei ao Brasil e, agora, tomo chá com leite todos os dias! lol Mas não é o mesmo sabor, sei lá porque! lol Am i addicted yet?? lol x

  91. PAUL LONDON says:

    ok obrigada mais uma fez ….. eu tenho o visto permity family …..tenho q esperar ele acabar p da entrada no de 5 anos….. ou faltando 5 mes p ele venser ja posso da entrada ja no novo visto……abraco

  92. Guilherme says:

    ola Roberto.fui removido de londres em novembro,me casei com uma europeia em julho ela quer ir para londres a passeio mais nao vou pedir o visto (clearence entry)porque fica muito caro e pode demorar muito , sera que tenho chance de entar. obrigado

  93. PAUL LONDON says:

    ola ropberto com visto permity family posso morar e trabalhar aki em londres …..e se estiver trabalhando posso mandar os peis lip e contrato de trabalho p obter o visto de 5 anos ,,,,,obrigado ou e melhor dizer q nao ta trabalhando….so a minha esposa….

  94. Silvia says:

    Ola Roberto,eu vim como visitante pq achei q chegando aqui poderia ta aplicando o de partner,mas vejo q nao posso,entao vou ter q voltar pra NZ em 5 meses e tentar aplicar um tal de clearance visa e se conseguir voltarei e tentarei o de partner,estive conversando com uma senhora do adviceguide e ela disse q essa lei pode mudar ate o fim do ano,entao dai quem sabe eu talvez nao seja preciso sair do pais ne?fingers cross!!quero agradecer desde ja pelas perguntas respondidas e dizer q e muito bonito de sua parte ta dedicando horas de seu tempo pra responder todas essas perguntas q fazemos pra vc,parabens q a luz q ha dentro de vc te ilumine cade vez mais.THANK YOU so ever!!!!

    • Olá Silvia,

      Vou ser sincero com você: A única mudança que sei que haverá na lei, é um novo requisito a partir de 29 de Novembro. Para obter o visto será necessário aprovação em um teste de conhecimento da língua inglesa. Clique aqui para ver o site do HomeOffice com a notícia

      Acho muito difícil a lei mudar de forma que “facilite as coisas para imigrantes”. Pelo contrário, o HomeOffice está colocando cada vez mais impecílios para dificultar a obtenção de vistos para quem já está no Reino Unido.

      Eu no seu lugar, me prepararia para a possibilidade de retornar a NZ e solicitar o visto.

      Outra “possível” solução talvez seria você realizar o chamado “casamento por procuração”, mas nesse caso seria melhor com o auxílio de um advogado, podendo aumentar consideravelmente o custo…

      Obrigado pelo apoio e boa sorte na solicitação dos vistos.

      Obs: Não deixe seu visto de turista expirar. Planeje suas ações para antes da expiração, pois isso pode complicar mais as coisas.

      Roberto

  95. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Tudo bem..? Estava de “passagem” pelo Chá com leite quando li o post da “Silvia”… Será que haverá mudanças na lei e, então (de acordo com o post dela), poderemos aplicar para o Entry Clearance, mesmo sendo visitante??? Ou será que entendi errado??? xxx

    • Oi Carmen,

      Como eu disse pra Silvia, acredito que o HomeOffice não realizará mudanças para facilitar a obtenção do visto de Partner para quem está com o visto de visitante. Eu “ouvi dizer” que o HomeOffice está tendo algumas brigas judiciais na High Court britânica, pois o HomeOffice não tem o direito de impedir que as pessoas se casem e não tem o direito de exigir que um britânico sai do país para casar, apenas pq o outro cônjuge é imigrante. Mas isso não significa que a lei mudará.

      Por enquanto, a única mudança que tenho certeza de que ocorrerá, será a exigência do teste de inglês a partir de 29 de Novembro.

      Muuuuita gente está ilegal no UK e quer se regularizar casando com alguém de nacionalidade britânica. O HomeOffice definitivamente não gosta da idéia e tenta dificultar ao máximo, pois essas pessoas já quebraram as leis de imigração. Eu duvido que o HomeOffice faça algo que libere fácil o casamento para quem tem visto de visitante. Seria uma “brecha” muito grande de pessoas vindas de outros países entrando no Reino Unido como visitantes para “casar”. Não é o caso de vocês duas, mas com certeza muita gente aparecerá casando apenas para obter visto…

      Para você e para a Sílvia (que estão em situações legais e procurando fazer tudo legalmente) aconselho a fazerem o processo tradicional e recomendado pelo HomeOffice, pois é mais rápido, barato e com 99% de chance de dar certo. A Silvia inclusive, deveria ter pedido o visto antes de sair da Nova Zelandia.

      Roberto

  96. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Estou com uma dúvida que está me tirando o sono… Ajude-me, por favor (caso saiba, é claro)…
    Olha, eu já fiz a reserva da minha viagem para dezembro… Comprei a passagem na mesma Agência da minha última viagem… Acontece que a Consultora fêz a minha reserva com o meu nome digitado errado… Meu nome é CarmeN e ela digitou CarmeM… É apenas uma letra e, foneticamente falando, não altera o “sentido” do meu nome… A Agência fêz uma correção, mas o meu nome continua errado no site da Companhia Aérea, mas estão providenciando uma Declaração atestando o ocorrido, ou seja, que houve um pequeno erro de didgitação, etc, etc, etc
    Você acredita que posso vir a ter problemas com a Imigração Britânica por isso??? Mike pediu que eu exigisse a reemissão do bilhete, pois a Imigração pode implicar… Mas a Agência não quer fazê-lo, pois dizem que é somente uma letra e não altera o sentido do nome, então apenas uma ressalva é o suficiente… Mas eu estou muito insegura… O que você acha???
    Best wishes,
    Carmen x

  97. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Estou com uma dúvida que está me tirando o sono… Ajude-me, por favor (caso saiba, é claro)…
    Olha, eu já fiz a reserva da minha viagem para dezembro… Comprei a passagem na mesma Agência da minha última viagem… Acontece que a Consultora fêz a minha reserva com o meu nome digitado errado… Meu nome é CarmeN e ela digitou CarmeM… É apenas uma letra e, foneticamente falando, não altera o “sentido” do meu nome… A Agência fêz uma correção, mas o meu nome continua errado no site da Companhia Aérea, mas estão providenciando uma Declaração atestando o ocorrido, ou seja, que houve um pequeno erro de digitação, etc, etc, etc
    Você acredita que posso vir a ter problemas com a Imigração Britânica por isso??? Mike pediu que eu exigisse a remissão do bilhete, pois a Imigração pode implicar… Mas a Agência não quer fazê-lo, pois dizem que é somente uma letra e não altera o sentido do nome, então apenas uma ressalva é o suficiente… Mas eu estou muito insegura… O que você acha???
    Best wishes,
    Carmen x

    • Olá Carmen,

      Como a agência disse, eu acho que não daria problema pois a fonética é a mesma. No máximo, a imigração implicaria com você por suspeitar de algo estranho e liberariam após você provar que tudo está correto. Além de tudo, provavelmente a imigração não iria considerar a declaração da agência, pois se o nome está errado no bilhete da companhia aérea, a declaração deveria ser timbrada pela companhia aérea.

      Masssss, como seu noivo deve ter dito, é seu direito como consumidora ter o nome correto escrito no seu bilhete. Aposto que pediram seu documento de identidade quando digitaram seu nome… No preço da passagem, está incluso um valor somente para a emissão do bilhete. Se fizeram errado, eles têm que corrigir. Como no Brasil muita coisa só anda na base da pancada, fale para a agência que você irá ao procon abrir queixa contra eles por serviço não realizado corretamente ou que você vai ficar plantada na porta da agência espantando os clientes dele. Eles não querem reemitir o bilhete pois eles terão que pagar uma multa para a companhia aérea e perderão a margem de lucro deles.

      Resumindo: Tente reemitir o bilhete pois é seu direito. Reclame no Procon e “tente” fazer valer o seu direito de consumidor. Caso não consiga mesmo assim, não arranque os cabelos de desespero, pois o máximo que pode acontecer é a imigração fazer mais perguntas…

      Obs: Na próxima vez tente comprar direto na companhia aérea, pela internet mesmo ou no escritório deles…

      Roberto

  98. carlos says:

    ola roberto por q vc so responde as percunta da carmen ……responde todas may obrigado

    • Olá Carlos,

      Na medida do possível eu tento responder as questões de todos.

      Qual a sua dúvida?

      Roberto

    • Carmen says:

      Oi, Carlos!
      O Roberto não responde só as minhas perguntas… Por que ele o faria? Não sou melhor do que ninguém… Você deve ter tido esta impressão, porque postei várias perguntas… Normalmente, as pessoas não retornam para dizer como foi, mas eu voltei e como eu sou “addicted” em Café com leite, estou sempre por aqui! lol
      Poste a sua pergunta que tenho certeza de que Roberto o ajudará, assim como ajudou outras pessoas… kk?
      Boa sorte e espero que dê tudo certo para você!
      Carmen

      • Carmen says:

        Quis dizer “…sou “addicted” em Chá com leite…”
        Digitei errado, pois nem gosto de Café com leite lol

  99. Lolita says:

    Ola,
    Eu vi que tem muitas perguntas respondidas aqui sobre Family Permit, entao eu tenho algumas tambem.
    Descupla, por favor, por erros, pois nao sou brazileira.
    Situacao e assim: eu (europeia) e meu marido (brasileiro) estamos planejando comencar nossa vida em Inglaterra e por isso queremos obter Family Permit. Nos dois encontramos na Inglaterra dois anos atrais, quando eu estava trabalhando la e ele estudando (ja segunda vez). Depois mudamos para Brasil e moramos aqui por 2 anos. Agora estou com muitas saudades de minha familia e eu queria morar mais perto deles, mas porque na Letonia situacao nao e boa agora no mercado, decidimos ir para Inglaterra (para nos dois conseguir achar trabalho).
    Nos ja preparamos alguns documentos: nossos passaportes, certidao de casamento e traducao em ingles, temos fotos de casamento e outros eventos, tambem bank statements de meu marido (dos ultimos 6 meses), tambem carta emitido por organizasao de Brasil dizendo que eu tenho cpf e vista de permanencia aqui em Brasil, claro tambem os tickets – Brazil – Letonia e duas semanas depois Letonia – UK, confrimacao de pagamento para alguel de quarto por 2 meses.
    Primeira pergunta – Eu preciso escrever carta declarando que meu marido vai commigo, mas eu nao acho nenhuma forma ou exemplo como escrever e o que dizer. Existe alguma coisa assim?
    Outra pergunta – em nenhum lugar esta escrito quanto nos precisamos para eles ver que nos somos self-sufficient para comeco ate achar o trablaho. Isso depende so na humor deles?
    E ultima pergunta – voce acha que nos precisamos algums outros documentos tambem?

    Muito obrigada,
    Lolita

    • Lolita,

      1.) Não tenho nenhuma carta de exemplo para indicar, mas eu faria uma carta simples (no computador) e assinada detalhando todos os planos da mudança. Quais são os seus planos, onde vocês pretendem procurar emprego, qual é a profissão de vocês, etc.

      2.) Self-Sufficient depende um pouco do “humor” da pessoal que irá analisar o seu pedido de visto, mas na prática, quer dizer que você tem que ter condições de pagar por sua acomodação, comida, transporte, etc por um tempo razoável. Por exemplo, caso você não consiga emprego em dois meses, como você irá pagar sua acomodação? Vão pedir auxílio para o governo britânico ou voltar para a Letônia ou Brasil? Escrevam na carta o seus planos, sendo sinceros e afirme que vocês NÃO irão pedir ajuda do governo britânico em nada.

      3.) Quanto mais documentos melhor, pois os seus argumentos devem provar o que é requisitado para o visto. Algo que eu adicionaria a sua lista de documentos seriam os currículos de vocês, exemplos de anúncios de vagas de empregos que são ideiais para vocês, etc.

      Dê uma boa vasculhada aqui no site, pois tem bastante informação a respeito do Family Permit em outros artigos e nos comentários. Recomendo também que você leia com muito cuidado o site do HomeOffice a respeito.

      Roberto

  100. Aline says:

    olá Roberto. Porfavor tire minha duvida: sou casada com um britânico e temos um bebê.Apliquei pelo visto em julho (estou no brasil) e este foi negado. Apelei diretamente ao first tribunal tier na inglaterra e aguadei mais de um mês pela resposta. Eles me enviaram uma carta avisando que minha apelação tinha sido enviada ao rio de janeiro e que eles (entry clearence officer) tinha o prazo de até 31 de janeiro de 2011 para fazer a apelação.Minha pergunta é:Mesmo estando tudo certo, eles costumam arranjar “problemas” e contestar minha apelação? Ou se estiver tudo certo eles liberam o visto? E se isso acontecer , ou seja, eles NÃO apelarem,eu precisarei esperar até o prazo final para ser contactada?
    obrigada

    • Aline,

      Se realmente estiver tudo certo, eles devem simplesmente seguir a lei e liberar o visto. Tudo depende do caso, motivo da recusa, lei aplicável, etc.

      Acredito que seu advogado pode dizer melhor sobre os prazos pois isso varia do processo e do que está sendo avaliado.

      Roberto

  101. Jeane says:

    Olá Roberto,
    estou esperando o resultado de um pedido de visto que solicitei, visto de reunião familiar, pois meu marido e nossos dois filhos menores estão morando na Inglaterra há um ano , eu estou aqui no Brasil e agora temos condiçoes de nos reunir novamente. A questão é , fiz o pedido do visto e negaram a primeira vez, alegaram que os documentos do meu marido precisavam ser autenticados pela embaixada , então fizemos tudo que nos informaram pra fezer , agora estou esperando a resposta da segunda tentativa, recebi um emal que não explica muita coisa só diz :
    Has been issued and will be sent to WorldBridge in approximately one working day. We want to hear your views on the service we provided, please complete our Customer Satisfaction Survey at: http://www.ukvisas.gov.uk/en/aboutus/features/survey
    Você saberia me informar oq isso siguinifica?
    Sei que vou receber o resultado pelo correio, mas seria bom eu entender o que eles me escreveram.
    Obrigada.

  102. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Estava meio “off” do Chá com leite em virtude do meu trabalho…! Ufa, enfim um tempinho para digitar algo por aqui…!
    Boas notícias, Roberto! Entrei em contato por telefone com o PROCON seguindo seu conselho, como disse anteriormente, e agendei uma visita… Enviei um e-mail para os donos da Agência explicando o equívoco da funcionária, etc, etc… E, ao que parece, os donos da Agência não sabiam do que estava ocorrendo, ou me fizeram crer que não sabiam… Sei lá…! Mas após uma longa espera, acessei hoje à minha reserva, pelo site da Ibéria, e o meu nome foi corrigido!!! Fiquei tão feliz!!! Nem precisei ir ao PROCON! lol Apenas mencionei que iria! lol
    Bem, mais uma vez preciso lhe agradecer, Roberto!! Obrigadaaaaa!!
    O estranho é que há um “mrs” entre o meu primeiro nome e o meu sobrenome… A Agência diz que é uma exigência recente por causa de pessoas com nomes que podem ser tanto para homens ou mulheres… Então o “mrs” auxiliará na confirmação de que sou do sexo feminino… Sabe algo a respeito?

    Carmen x

  103. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Como você ainda não respondeu à minha pergunta anterior, gostaria de acrescentar o seguinte: (lol)
    Os documentos do meu namorado que enviaremos para dar entrada no “Fiancé visa” tem de ser os originais? E se for, eles devolvem? Meu namorado precisa destes documentos para fazer seus cálculos de Impostos (você sabe a respeito dos impostos, né? lol) e ontem ele me perguntou a respeito disto e não soube responder, você sabe? lol
    Obrigada mais uma vez!
    Carmen x

    • Olá Carmen,

      Desculpe a demora em responder!!! Estive um pouco ausente do site recentemente… mas voltei! :D

      Provavelmente já é tarde, mas a resposta é Sim. O ideal é enviar os documentos originais e sim eles devolvem. Mas te aconselho a mandar envelopes pre-pagos de sedex junto com os documentos, assim vc mantem consigo o número de rastreamento dos documentos.

      O problema de enviar os documentos é o tempo que leva na tramitação do visto… Mas nessa altura vc já deve até ter pedido o visto e recebido os documentos de volta?

      Roberto

      • Carmen says:

        Oi, Roberto!
        É, eu notei que você ficou meio “ausente”… Passei por aqui algumas vezes para ver a sua resposta, mas entendi que você estava “off”… Espero que esteja tudo bem…?

        Não, não é tarde…! Ainda não demos entrada no visto…! Viajarei no próximo mês (cant wait, lol) para trazer alguns documentos da família dele e, é claro, matar um pouco esta saudade que está me matando!!! lol Daremos entrada no visto tão logo eu retorne ao Brasil (que vontade de não voltar, lol)…

        Obrigada mais uma vez pelos esclarecimentos!!!

        Carmen x

  104. Carmen says:

    Oi, Roberto!
    Passei pela Imigracao Britanica sem nehum problema…!
    Respondi 3 perguntas de uma Oficial:

    – Qual e o motivo da visita?

    – Ja esteve aqui antes? Qual motivo da visita anterior? (mesmo com o meu Passaporte em maos ela me perguntou isso)

    – Por que nao carimbaram o seu Passaporte quando voce chegou ao seu pais na sua ultima viagem? (disse que nao sabia o motivo e mostrei-lhe os meus comprovantes de que embarquei na data correta… Sabe aquele canhoto que e destacado quando voce embarca no aviao? Entao, mostrei a ela)

    Ela sorriu e disse: Feliz Natal e seja bem vinda novamente ao Reino Unido!!

    So isso! Nao perguntou nada mais!!

    Obrigada por sua ajuda, Roberto! Deu tudo certo, porque eu tinha tudo em maos para mostrar a Oficial, caso ela pedisse, pois segui as suas dicas…!

    Best wishes, Carmen xxx

    • Olá Carmen!

      Que bom saber que deu tudo certo! :D

      Espero que dê tudo certo na sua estadia…

      Agora faça o favor de enviar uns relatos das suas aventuras aqui nas terras da rainha… :D

      Roberto

      • Carmen says:

        Oi, Roberto!
        Pensei que voce nao postava mais respostas por aqui lol
        Obrigada, deu tudo certo sim…! Eu deveria retornar ao Brasi em 01 de fevereiro, mas como recebi 6 meses de visto quando cheguei, eu remarquei a minha volta para junho…! lol
        A novidade e que vou me casar numa Igreja em Wales, pois eles nao pedem o “certificate of approval” lol Mas estou com uma duvida: creio que terei que retornar ao Brasil e solicitar um visto para morar aqui, nao e?
        Quanto as aventuras, o que poderia ser? hahaha
        Carmen x

        • Olá Carmen,

          Wales? Tome cuidado pois é capaz que você não entenda o que o padre falar. hehehe O sotaque dos galeses é um “pouquinho” diferente…

          Como você “não vai precisar” do “certificate of approval”, talvez você possa pedir o visto de partner direto, sem pedir o de fiancé. Mas não tenho certeza… pois nunca ouvi falar de ninguém que fez o processo sem o “certificate of approval”.

          Roberto

  105. Amanda Oliveira says:

    Vou solicitar o visto de estudando pra o reino unido e gostaria de saber com certeza se restrição no CPF pode impedir que meu visto seja aprovado, eu já tenho passaporte (sei que para tirar passaporte não pode) eu pretendo regularizar tudo antes de solicitar, mas tenho medo de não conseguir pagar todas as contas e como o curso foi presente preciso arriscar

  106. Marcus says:

    Olá roberto, primeiro queria dar os parabéns pelo site, relamente é um dos melhores. tenho algumas dúvidas desculpa tomar seu tempo com isso rs.

    pretendo me casar mes que vem, minha noiva tem dupla nacionalidade portuguesa, pretendemos nos casar e pedir o visto para tentar a vida em Londres, eu sou Brasileiro passaporte brasileiro, estivemos em Londres no meio do ano passado não tivemos problemas para entrar no pais, entramos na dada marcada, e saímos na dada marcada, sem problemas nenhum.
    gostaria de saber a probabilidade do meu visto ser aceito, li coisas falando que a probabilidade é bem alta visto que por lei ela teria direito de me levar para Londres. e a minha “boa conduta, no pais em entrar e sair no dia falado, contaria como ponto para mim”

    pensamos também em pedir antes minha nacionalidade portuguesa pois tenho direito depois de casar com ela mas ela só pode ser pedida depois de 3 anos casado.

    gostaria de saber a melhor forma de pedir esse visto, e a minha probabilidade de entrar em Londres sem problema algum.

    • Olá Marcus,

      Para não ter problemas na imigração ao chegar em Londres, e também para ter direito de residir, trabalharm etc no Reino Unido, você deve obter o visto de Family Permit antes de viajar! Vc poderá ter problemas se não tiver o Family Permit…

      Roberto

  107. simone r. says:

    Estou pedindo o visto de fiance visa este ano para viajar em março. ao enviar o formulário online ontem, notei um pequeno erro que passou despercebido no meu nome . o que devo fazer? explicar isso em um extra paper junto com os documentos que vou levar para sp? isso pode atrapalhar o processo de visto?

    abraços,

    simone

  108. Bia says:

    Olá Roberto, eu estou comprando um curso de 9 meses para estudar em Londres, eu já estive lá por dois meses como turista e agora estou tirando meu visto. A escola de lá exige que eu faça um teste de inglês, escrito e por skpy, para provar que meu inglês é intermediário, até ai tudo bem, mas a agência que eu estou comprando o curso não me fala como essa prova. Você tem uma idéia de como é o teste? pelo menos por skpy??

    obrigada

  109. Silvia says:

    Ola Roberto lembra de mim,a Silvia q mora na Nova Zelandia?
    Estive te fazendo algumas perguntas a uns meses atraz sobre como fazer o pedido de visto…Pois eh estou meio confusa em relacao a q tipo de visto ficaria mais facil pra mim ta aplicando!!Estou de volta a NZ e agora quero entender melhor isso antes de voltar prai.Como havia dito antes minha partner e britanica e decidimos morar junta entao nao sei q tipo de visa eu poderia ta aplicando de uma vez q ela no momento esta desempregada por conta de uma cirurgia q fez e esta recebendo auxilio do governo,(nao e ajuda) so um tipo de beneficio.pois ela pretende voltar a trabalhar assim q melhorar.Entao vc acha q por ela ta recebendo esse beneficil e esta desempregada no momento da algum problema eu ta aplicando visto de partner.temos apoio da familia dela ,qfazem qualquer coisa para ver nos juntas,dai eu nao sei oq fazer.Se tiver q provar q tenho como me sustentar,de quanto precisarei para provar q tenho a quantia e q tipo de visto voce endicaria pra mim ta aplicando?Agradeco desde ja pelas informacoes.Abracos

    • Olá Silvia,

      O HomeOffice não tem uma citação direta sobre uma quantia específica que você tem que mostrar para provar que pode se sustentar. Eles analisam muito pelo bom senso, por exemplo, eles vão querer saber como vocês vão se sustentar sem ajuda do governo. Você irá trabalhar? Tem um bom currículo? Vcs tem onde morar? ou irão pagar aluguel? etc. O fato de ela estar desempregada e com recebendo um auxílio do governo não ajuda, mas também não impede. Tudo depende do conjunto de fatores que você irá informar na solicitação do visto.

      Veja mais informações nesse link do HomeOffice.

      Pelo que você me contou até agora, provavelmente o melhor visto para você seria o visto de “same-sex Partner”.

      Roberto

  110. Tiago says:

    Oi Roberto,
    fiquei em londres por 6 meses como turista e agora voltei de ferias com minha namorada que conheci la e tem dupla cidadania bra/ita. ela quer que eu volte com ela entao vamos nos casar, voce indica alguma agencia pra ajudar a gente com o Family Permit?! O processo é muito complicado ?
    Muito obrigado !

  111. Diones Lima Abreu says:

    Ola, eu gostaria de tirar algumas duvivas, Roberto eu tive uma remocao direta de Londres esse ano, mais neste mesmo ano eu ja tive no aplication centre em Brasilia e fiz minha aplicacao, tudo o que eles pediram e todos documentos eu deixei la, carta de trabalho, aprovacao no curso de ingles, certificado de casamento, tudo tudo, quais sao minhas chances, vc tem alguma nocao?????
    Agradeco Diones

  112. Carmen says:

    Oi Roberto!
    Estou de volta ao Brasil para finalizar os procedimentos do meu visto, obrigada mais uma vez por seus conselhos…
    Bem, eu já estou casada, mas notei que algumas modificações foram feitas nos procedimentos de pedido de visto… Agora, não sei nem qual formulário devo utilizar para dar entrada no meu visto de esposa…
    Entrei em contato com a Agência indicada por você, obrigada! Eles são muito competentes e atenciosos, mas estao em Londres e eu no Brasil lol
    Você poderia, mais uma vez, me dar algum tipo de orientação a respeito do procedimento para retornar ao UK com visto de esposa…?
    Best wishes,
    Carmen

  113. LUCIANO FERREIRA says:

    Olá Roberto, bom dia, primeiro gostaria de parabenizá-lo pelo site, achei de muita valia para todos que desejam alguma informação sobre Londres e outras cidades. Meu caso é o seguinte, sou casado, tenho 04 filhos menores de 11 anos, sou brasileiro mas tenho nacionalidade portuguesa também, sou advogado aqui no Brasil, mas já morei em Portugal por 06 anos e era encarregado de pintura na construção civil lá, enfim, tenho muita experiência nessas áreas. Contudo, já não estou mais acostumado morar mais aqui no Brasil, principalmente, no interior de Minas Gerais. Por isso, estou querendo me mudar para a Inglaterra, não necessariamente Londres, mas o mais perto que eu puder né, pois acredito que se tem mais trabalho por ai. Portanto, agradeço a vc se puder me dar informações com relação ao meu pensamento, se acha viável, se posso conseguir trabalho para sustentar minha familia, pois falo ingles tambem, se será possivel meus filhos estudarem tranquilamente, tambem sobre a questao da saude caso venha a precisar de um hospital, enfim, se acha que pode ser possivel viver descentemente ai na Inglaterra ou isso é uma loucura. Para terminar eu tenho nacionalidade portuguesa e meus filhos tambem, já minha esposa já sei que vou ter que tirar um family permit para ela, neste caso qualquer informaçao que puder me dar sobre como posso conseguir esse documento ficaria muito agradecido. Mais uma vez, adorei seu site e saiba que é muito bom ter brasileiros como vc por volta planeta com vontade de ajudar as pessoas. Tudo de bom. Se quiser pode me mandar um e-mail tambem. Obrigado

  114. danielly says:

    Ola queria saber se vc pode tirar tambem minhas duvidas ou se eu tenho que pagar vc primeiro, por favor me fale o que eu tenho que fazer ok.

    Bom meu nome e Danielly eu vivo na Escocia ja faz quase 11 anos, tenho o meu passaporte Britanico, tenho 5 anos de contrato de trabalho. Eu tenho um relacionamento com uma pessoa que vive no Brasil(Belem/Pa\), ja faz 2 anos e 4 meses que agente esta juntos, toda vez que eu vou ao Brasil eu fico na casa dele direto e inclusive ele esteve aqui nesse ano e ele passou 5 meses e 2 semanas comigo, ele so voltou porque o visto de turista estava terminando e agente nao queria ter problemas com a emigracao no futuro. Agora agente esta querendo dar entrada no visto de Nao Casado (unmarried visa) e a minha maior duvida e se agente pode dar entrada nesse visto, porque agente nao tem como provar que agente vive juntos, afinal de contas eu vivo aqui e ele no Brasil, mas agente realmente deseja viver juntos.

    Eu fui no Brasil 3 vezes no ano passado, eu tenho os comprovantes de viagem, ja esse ano eu nao fui p Brasil, pois ele veio aqui. Agente nao tem nada no nosso nome juntos ( comprovante de aluguel, agua,luz,etc).

    Eu nao queria dar entrada no visto de noiva porque eu nao quero pressao de me casar rapido e tambem eu tenho que fazer a homologacao do meu divorcio no brasil e isso leva muito tempo.

    Tambem eu gostaria de saber se ele pode comprar a passagem dele de vindo para o Reino Unido so depois de saber se ele conseguiu o visto, porque se for negado ele vai perder mas dinheiro.

    Eu tenho os seguintes documentos exigidos pela emigracao:


    Contra cheques


    extrato bancario


    certidao de casamento e de divorcio


    fotos


    certificados de todos os cursos que eu fiz aqui no meu trabalho


    Comprovante de residencia


    Quanto eu tenho que ter no banco? quanto a emigracao espera que eu tenha na minha conta bancaria?

    Espero anciosa sua resposta, desde ja agradeco.

    Danielly

  115. dina pina says:

    OI BOA NOITE ESTOU COM MT DIFICULDADE EM PEDIR UM VISTO PARA O REINO UNIDO EU TENHO UMA BEBE K ESTA LA HA 6 MESES COM O PAI KERIA MT IR LA VER ELES MAS NAO CONSIGO FAZER O PEDIDO DE VISTO PORK CA EM PORTUGAL A EMBAIXADA NAO ESTA A DAR VISTO PODE ME AGUDAR

  116. Ruben Azevedo says:

    Boa Tarde Roberto!
    Antes de mais, muito obrigado pela sua dedicação em ajudar que mais precisa. O meu caso é similar a alguns já escritos aqui mas gostaria de ter a sua resposta:
    Sou português e sou casado sendo a minha esposa brasileira. Vou dar entrada na nacionalidade dela estes dias (portuguesa) contudo é um processo muito demorado(1 ano +/-). Quero ir para Inglaterra no máximo até Fevereiro e quero levar a minha familia (mulher e filha 3anos nascida em Portugal). Qual é a forma mais rápida de o conseguir? Agradeço toda a atenção dispensada! Um abraço

  117. Ivaneti Azevedo says:

    Oi Roberto!
    Sou brasileira moro em Portugal e não tenho nacionalidade. Meu namorado tem nacionalidade portuguesa e trabalha em Inglaterra há quase dois anos. Agora quero ir para lá. O que devo fazer? Obrigado

  118. Isabella says:

    Oi Roberto.

    Estou juntando os documentos para pedir o visto de noiva. O unico problema eh que meu noivo esta passando pela parte final do divorcio com sua ex, mas nao terei o papel do divorcio final, somente o parcial para colocar junto com as provas. Nao posso esperar mais pq como achava que o processo de divorcio nao fosse tao demorado ja tinha comprado uma passagem para europa de cruzeiro e nao posso perde-la e nem gostaria de ter que ir e voltar. Como o divorcio esta perto de finalizar e temos prova disso, sera que isso pode afetar muito a decisao do visto? Muito obrigada

  119. Carolina says:

    Olá Roberto,
    Tô ilegal faz um ano aqui no uk e moro com meu namorado há 2 anos. Estamos pensando em casar para regularizar minha situação. Porém, não entendi até agora se posso casar aqui ou não. Caso possa me casar aqui, terei que voltar para o brazil e pedir o visto de esposa? Seria melhor casar no Brazil para pedir esse tipo de visto? É um processo demorado?
    Muito Obrigado e parabéns pelo web.
    Carol

  120. PRISCILLA says:

    OLA ROBERTO ESTIVE EM LONDRES ILEGAL POR 1 ANO E TRES MESES DEPOIS DESSE TEMPO VOLTEI ATRAVES DA ONG IOM PARA O BRASIL E TIVE MEU FILHO AKI MAS COMO O PAI DO MEU FILHO VEIO REGISTRAR ELE AKI NO BRASIL NOS CONSEGUIMOS O PASSAPORTE BRITANICO DO NOSSO FILHO HOJE MEU NAMORADO ESTA AKI COMIGO E VAMOS CASAR ESTA SEMANA O QUE DEVO FAZER PARA SER ACEITA COMO RESIDENTE EM LONDRES POIS NOSSO FILHO JA POSSUI DUPLA CIDADANIA OBRIGADA!!!

  121. PRISCILLA says:

    ESQUECI DE PRONUNCIAR QUE MEU FUTURO MARIDO EH NASCIDO E RESIDENTE BRITANICO OBRIGADA

  122. Roberta L. says:

    Olá Roberto!
    Eu sou brasileira e tenho o visto de residência portuguesa. No momento encontro-me no Brasil. Estava a pensar ir a Portugal primeiro e de lá pedir o meu visto de estudante – trabalhador para Inglaterra. Isso é possível? Ou terei que fazer o pedido aqui do Brasil?

  123. olá, gostaria de saber se o casamento por procuraçao c/ um cidadao britanico aqui no brasil , será valido para meu visto de esposa no reino unido ?/
    aobrigada