Que tal acampar na Inglaterra?

Pode parecer loucura, mas uma das opções mais econômicas e interessantes para uma estadia temporária no Reino Unido (no verão) pode ser dormindo em uma barraca. 3507_3De forma alguma pretendo comparar estadias em campings com hotéis, mas o camping pode-se tornar uma viável opção ao invés de hospedar-se em albergues, que muitas vezes oferecem pouca infraestrutura, zero privacidade e preço salgado.

Nem tente lembrar-se daquela péssima experiência que você teve em algum camping no Brasil, por que os camp sites no UK são um “pouquinho” diferentes, geralmente oferencedo excelente estrutura e bom atendimento. Veja algumas características dos camp sites no Reino Unido:

  • Geralmente são parques de camping muito bem cuidados, com áreas de grama bem aparada, áreas separadas para trailers e barracas, limpos e excelentes banheiros que realmente atendem a capacidade do local e rígidas políticas relacionadas a barulho durante a noite.
  • A maioria deles tem uma boa infra-estrututura que inclui lavanderia, bons banheiros com água aquecida, hot spots wi-fi, aluguel de ferro para passar roupas, cozinha, loja de conveniência, sala de tv, e aluguel de equipamentos como barracas e acessórios.
  • Alguns camp sites oferecem trailers/motorhomes ou chalés para aluguel diário, ou se preferir, existem empresas que alugam motorhomes e com isso você pode ir para diversos lugares diferentes com o mesmo trailer.
  • Poucos camp sites são frequentados por estrangeiros, sendo assim é muito mais fácil você entrar em contato com muitas pessoas britânicas. Muitos aposentados e famílias britânicas escolhem camp sites para passar férias com seus motorhomes.
  • Alguns camp sites têm descontos especiais para longas estadias e existem algumas redes de camping, com diversos camp sites espalhados pelo país, e que posuem programas de associados que permitem a você ir a diversos campings e ganhar descontos caso sempre utilize a mesma rede de campings.

4227_1Mas e o frio? Será que um brasileiro suporta dormir em uma barraca de camping a apenas algumas milhas de distância da Iceland? Por experiência própria posso dizer que sim, contanto que seja no verão britânico (que é mais frio do que o muitos invernos brasileiros), e talvez você precise de alguma ajuda extra como 2 cobertores, vinho e coragem. E, se o dinheiro não for problema, pode-se optar por um confortável motorhome com aquecedor e banheiro particular.

Ou seja, com um pouquinho de espiríto aventureiro é possível ter uma acomodação muito mais econômica e privativa do que albergues, com boa estrutura a disposição e muitas vezes proporcionando muito mais contato com os “nativos”.

Mas como para tudo existem os pontos negativos, os campistas têm que se dispor a algumas vezes sofrer com as chuvas e ter menos acesso a tranporte público. Muitas vezes os camp sites ficam em lugares afastados dos grandes centros comerciais ou importantes linhas de trens, por isso, a viabilidade de utilizar um camp site vai depender muito de como você pretende conduzir a sua viagem.

Por exemplo, se você pretende gastar muitos dias no country side, visitando castelos e cidades turísticas, o camping e o aluguel de um carro pode sair muito mais barato do que a estadia em um albergue ou hotel. Por exemplo:

aluguel de espaço para uma barraca (tent) com eletricidade = £15,00
+
aluguel de um carro simples com ar condicionado = £ 15,00

Total em camping com aluguel de carro = £ 30,00 por dia

Diária em um albergue para um casal: £ 40,00 por dia

Diária em um hotel para casal: £ 55,00 nos dias mais baratos e afastados de grandes centros como Londres, Edimburgo e Manchester.

Ou seja, a primeira vista para um casal o camping pode ser em média £10,00 por dia mais econômico do que um albergue ou £20,00 por dia mais econômico do que do que um hotel simples.  Isso significa economizar de £200 a £400 em 20 dias, ou seja, mais ou menos R$ 1.000,00.

Mas se você pretende passar 90% da sua estadia “brincando de tatu” no London Underground, então esqueça o camping e procure um quarto próximo de alguma estação na zona 1 ou 2 para dividir com uns 5 estrangeiros, mas que reducirá o preço dos train tickets.

Finalizando, planeje bem sua viajem e defina a sua acomodação levando em conta os lugares que irá visitar e o custo estimado do transporte. E talvez você liberte o seu espiríto aventureiro acampando overseas.

Alguns campings:

http://www.campingandcaravanningclub.co.uk

http://www.campinguk.com

http://visitscotland.com

ou se a idéia de dormir numa barraca não agradou,

Clique aqui para encontrar Hotéis IBIS, Formule 1, Mercure e outros no Reino Unido

You may also like...

3 Responses

  1. Daniella says:

    Oi Roberto Alves gostaria de saber mais sobre a área de TI em UK. Sou formada em Ciências da Computação na PUC-SP e estou atualmente trabalhando na área de SOA. Meu namorado conseguiu trabalho direto em Aberdeen(Escócia) para ir esse mês.Só conseguiu por já ter demostrado o seu trabalho por lá no ano passado e por ter cidadania portuguesa.Gostaria de saber o seguinte, vou com ele talvez mês que vem com visto de turista e pretendo alem de fazer algum tipo de curso em ingles, gostaria de arranjar um trabalho na área de TI, porem meu ingles ainda não está tão bom ainda, mas já consigo me virar.
    Como faço para arranjar trabalho com visto de turista, é possível?
    Quais tipos de cursos em ingles seriam legais?Tem como estudar algum curso sem certificado TOELF?
    AGRADEÇO O RETORNO SE POSSÍVEL.

    • Roberto says:

      Olá Daniella,

      Com visto de turista você não pode trabalhar. É Ilegal! As empresas não irão te contratar.

      Caso você queira trabalhar, deverá obter um visto de trabalho (o que é dificílimo, a não ser que sua empresa te convide e enfrente o processo) ou obter um visto de permissão familiar (caso vc case com o seu namorado).

      Desculpe mas não sei te dizer quais são os melhores cursos de inglês, mas acredito que qualquer um que te dê possibilite obter um TOELF ou IELTS é excelente.

      Mas, se o sua especialidade for muito técnica, o melhor investimento é em certificações Microsoft, Oracle, Cisco, Citrix, etc dependendo da sua área. Tenho 10 anos de experiência na minha área e várias certificações. Foi o que valeu para ser contratado quando vim para cá. Levei uns 5 meses para entender tudo o que meu chefe fala e na entrevista eu só sabia falar ok… ok… ok… :D

      Mas…. se a sua especialização requer muita comunicação com outras pessoas, como por exemplo gerente, help desk, etc. então o inglês bom é essencial.

      Roberto

  2. Brazilian says:

    eu já acampei em Lake District – Cumbria e tudo o que está escrito nesse post é verdade, eu fiquei boba com o acampamento, tinha de tudo, de internet a salão de jogos, muito bom. O frio foi muito pior do que pensei, eu passei uma noite em claro tremendo, da próxima vez vou levar vários cobertores